O MELHOR DE TODOS OS TEMPOS
Antónia de Jesus Montes Tonicha Viegas, nome artístico Tonicha, nasceu em Beja a 8 de Março de 1946. Terceira de quatro irmãos, cedo mostrou vocação para cantar. Primeiro, na escola e mais tarde na adolescência, nas festas da "Capricho"- Sociedade Filarmónica Capricho Bejense. Aos 16 anos, foi para o Barreiro para casa do seu tio-avô, então Chefe da Estação dos Caminhos de Ferro do Barreiro. Tanto ele, como todos os seus filhos, tinham grande paixão pela música. A família do lado do pai estava ligada à música como amadores.
Com a irreverência da sua juventude apresentou-se, ainda com 16 anos, a concurso na Emissora Nacional, em cujos "quadros" só veio a entrar aos 18 anos. As primeiras gravações de Tonicha são anteriores a 1965. O primeiro disco que a cantora grava, um EP chamado "Canções de Natal" que reúne vários nomes da canção. A primeira gravação a solo de Tonicha, que é editada com o nome de Antónia Tonicha, data de 1964, num EP chamado "Luar para esta Noite".
Em 1966 obtém o primeiro prémio no Festival da Canção da Figueira da Foz com "Boca de Amora" e participa no filme "Sarilho de Fraldas", de Constantino Esteves, com Nicolau Breyner, António Calvário e Madalena Iglésias. Com "A Tua Canção Avózinha" vence o 7º Festival da Canção da Figueira da Foz. No ano de 1967 recebeu o Microfone de Ouro do Rádio Clube Português e foi eleita "Mulher Portuguesa do Ano", pelo Clube das Donas de Casa. 
Fica em 2.º no Festival RTP da Canção de 1968 com "Fui Ter Com a Madrugada". A ideia de Tonicha gravar folclore português partiu do seu marido, o etnólogo João Viegas. Ao "Vira dos Malmequeres", canção recolhida na zona de Santarém, seguiu-se "Resineiro" um tema gravado por indicação de José Afonso que o tinha gravado anteriormente.
"Menina do Alto da Serra" interpretado por Tonicha vence o Festival RTP da Canção de 1971. 

Em 1972 participa no disco "Fala do Homem Nascido", uma opereta gravada para disco, com poemas de António Gedeão. Os cantores são Duarte Mendes, Carlos Mendes, Samuel e Tonicha.
É editado o single "Portugal Ressuscitado/Canção Combate" dos InClave com Tonicha e Fernando Tordo. Em 1974 participa na revista "Uma no Cravo, outra na Ditadura". O álbum "Cantigas Populares" é editado em 1976. Mais tarde grava discos como o "O Menino", "Marcha da Mouraria" e "Tu És o Zé Que Fumas/Cana Verde"
Participa no Festival RTP da Canção de 1978 com os temas "Canção da Amizade", "Pela Vida Fora", "Um Dia, Uma Flor" e "Quem Te Quer Bem, Meu Bem". Ainda em 1978 é editado o single "Zumba Na Caneca", um dos seus maiores sucessos populares.

Em 1979 grava um single com os temas "O Gaiteiro Português" e "Sericotalho, Bacalhau, Azeite e Alho"
Logo a seguir é editado "O Chico Pinguinhas". Grava o álbum "Ela por Ela", em 1980. O disco "Foliada Portuguesa" é lançado em 1983. Inclui temas como "Todos Me Querem" e "O Mar Enrola Na Areia". Em 1985 participa no disco "Abraço a Moçambique" e grava o single "Esta Festa Portuguesa". O single "Fátima, Altar do Mundo" é lançado em 1987. 
Está afastada alguns anos dos palcos e da ribalta. Regressa em 1993 com "Regresso". Em 1995 grava temas do cancioneiro "Canções d' Aquém e d'Além-Tejo". O álbum "Mulher" é editado em 1997. Em 2010 Aceita um novo desafio, estreia-se como actiz. 
PUBLICADO digitalblueradio às 13:05 | LINK DO POST
QUEM SOU EU
PESQUISAR NO BLOG
 
Março 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
COMENTÁRIOS
acho que deve ser respeitada... http://www.goiasc...
vc que é de maior tem face e whatsaap vem encontra...
a discografia tem um ep com o titulo errado, onde ...
Armando Gama fomos contemporâneos no Salvador Corr...
A juventude nos leva a caminhos ruins , e procuram...
A primeira fotografia é da Praça Marquês de Pombal...
Eu gosto de ti Beto adorei cd foi muito bom ele é ...
GANHA MENSALMENTE COMO PRESIDENTE DA COMISSÃO EURO...
Que feio!Foi no meu blog, pegou meu texto, modific...
E um meio de sobrevive
MAIS COMENTADOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
blogs SAPO