O MELHOR DE TODOS OS TEMPOS
A agressividade é um instinto que faz com que certos animais ou mesmo o homem prejudiquem ou lesem outros com a intenção de causar danos ao outro, independentemente de qualquer vantagem que se possa obter. Existem várias formas de agressividade mas aquela que vos trago é diferente, trata-se de alguém, neste caso um jovem que não consegue gerir a raiva interior, e isso manifesta-se no seu comportamento agressivo.
Trata-se de mais um caso real, passou na televisão mas concerteza nem todos viram, e acho importante ser visionado.
O desespero de uma mãe em relação ao comportamneto do filho leva-a a pedir ajuda para o filho de 19 anos, mas que desde cedo evidenciou este comportamento. O seu receio de que o filho agora em idade adulta possa cometer algum acto mais grave.
Para se pedir ajuda basta reconhecer que se têm um problema, e não é vergonha nenhuma pedir ajuda quando não conseguimos por nós mesmos resolver um problema que nos afecta. Bem haja a este jovem e felicidades.
Por vezes determinados comportamentos que observamos nos outros e que logo condenamos, pode ter origens que desconhecemos, por isso é importante não condenar sem conhecer os factos ou causas de determinada acção. Hoje é com o filho dos outros, amanhã pode ser com o nosso.
PUBLICADO digitalblueradio às 18:44 | LINK DO POST
tags:
A agressividade é um instinto que faz com que certos animais ou mesmo o homem prejudiquem ou lesem outros com a intenção de causar danos ao outro, independentemente de qualquer vantagem que se possa obter. Existem várias formas de agressividade mas aquela que vos trago é diferente, trata-se de alguém, neste caso um jovem que não consegue gerir a raiva interior, e isso manifesta-se no seu comportamento agressivo.
Trata-se de mais um caso real, passou na televisão mas concerteza nem todos viram, e acho importante ser visionado.
O desespero de uma mãe em relação ao comportamneto do filho leva-a a pedir ajuda para o filho de 19 anos, mas que desde cedo evidenciou este comportamento. O seu receio de que o filho agora em idade adulta possa cometer algum acto mais grave.
Para se pedir ajuda basta reconhecer que se têm um problema, e não é vergonha nenhuma pedir ajuda quando não conseguimos por nós mesmos resolver um problema que nos afecta. Bem haja a este jovem e felicidades.
Por vezes determinados comportamentos que observamos nos outros e que logo condenamos, pode ter origens que desconhecemos, por isso é importante não condenar sem conhecer os factos ou causas de determinada acção. Hoje é com o filho dos outros, amanhã pode ser com o nosso.
PUBLICADO digitalblueradio às 18:44 | LINK DO POST
tags:
A agressividade é um instinto que faz com que certos animais ou mesmo o homem prejudiquem ou lesem outros com a intenção de causar danos ao outro, independentemente de qualquer vantagem que se possa obter. Existem várias formas de agressividade mas aquela que vos trago é diferente, trata-se de alguém, neste caso um jovem que não consegue gerir a raiva interior, e isso manifesta-se no seu comportamento agressivo.
Trata-se de mais um caso real, passou na televisão mas concerteza nem todos viram, e acho importante ser visionado.
O desespero de uma mãe em relação ao comportamneto do filho leva-a a pedir ajuda para o filho de 19 anos, mas que desde cedo evidenciou este comportamento. O seu receio de que o filho agora em idade adulta possa cometer algum acto mais grave.
Para se pedir ajuda basta reconhecer que se têm um problema, e não é vergonha nenhuma pedir ajuda quando não conseguimos por nós mesmos resolver um problema que nos afecta. Bem haja a este jovem e felicidades.
Por vezes determinados comportamentos que observamos nos outros e que logo condenamos, pode ter origens que desconhecemos, por isso é importante não condenar sem conhecer os factos ou causas de determinada acção. Hoje é com o filho dos outros, amanhã pode ser com o nosso.
PUBLICADO digitalblueradio às 18:44 | LINK DO POST
tags:
O Natal está aí, corre-se, deseja-se, dá-se, faz-se contas á vida.
Pára-se numa montra, entra-se numa loja e noutra e noutra e tentamos não nos esquecer de ninguém, embora em momentos de crise seja dificil. Na rua e em todas as montras as luzes acesas e o apelo ao consumo, a época é de crise mas arranja-se sempre alguma coisa para oferecer a quem se gosta. 
Corremos apressados nas ruas, na azáfama natural destes dias de enchentes, e ali está uma mão estendida, á disposição para receber uma "moedinha", olha-se fugidiamente para a praça iluminada, uma paz feita de luz colorida e de cânticos de Natal que entoam no ar, mas mais forte chega aquela voz, apesar de quase não se ouvir: - Uma moedinha por favor!!!
Mais coloridos e mais brilhantes que as luzes da praça aqueles olhos mais tristes que os de um cachorro castigado,...tem-se muita pena mas não se tem dinheiro trocado.
Só pena não chega é preciso fazer mais, corre-se e nem se olha para trás, não há tempo para fazer alguma coisa, não há tempo para pensar: É Natal!!!!
Corremos apressadamente, tropeçando aqui e ali, porque nesta altura todas as horas são de ponta, inclusivé as que não eram de ponta. O isqueiro para o marido, ou a água de colónia, por favor mais meias e cuecas não!!! Mais uma lembrança para a mãe e para o pai, filhos, familiares e amigos mais chegados.
É assim o Natal, quem não o conhece!? Transparente e cronológico, ano após ano. As luzes, a árvore enfeitada, as prendas. O Natal pai de "Josés" e padrasto de "Zés", pai de meninos e padrasto de putos sem nome....
Vitrinas de montras gulosas e apeteciveis para uns, vitrinas de angustia e desespero para outros. As árvores enfeitadas com lâmpadas de mil cores, os sorrisos muitas vezes disfarçados e a pressa de quem passa e nada vê!!! Mas existe, continua a existir apesar de ser Natal, a miséria e a fome, a tristeza, as mãos vazias e as lágrimas escondidas.
A vida está dificil para todos e um pouco por todo o mundo. Todos os anos por esta altura pensamos em solidariedade, na pobreza, na necessidade dos outros, na tristeza dos outros e dificuldades alheias, muitos são os voluntários que estendem a mão á caridade, mas muitos são também aqueles que viram a cara para o lado e não querem ver a necessidade dos outros. 
Pena que a ajuda que se dá seja nesta altura seja somente nesta altura e se esqueça que o Natal pode ser todos os dias. É verdade que o momento não é dos melhores, andamos infelizmente a contar todos os tostões, mas por certo que um pouco de cada um por menor que seja, fará muito para quem nada têm. 
Por vezes é dificil descrever certas situações sem que uma lágrima espreite no canto do olho. Todos somos pais, ou filhos e por certo saberemos de alguma forma dar valor e entender determinadas situações. A vida por vezes mostra-se madrasta. 
Muitas vezes com um sorriso no rosto e a alma a chorar, lá seguem o seu caminho os desafortunados desta vida. O Natal é solidariedade, paz, união e amor. O meu apelo é para que façamos o Natal todos os dias do ano, se puder ajudar fica aqui o NIB bancário, para depósito em conta, por pouco que seja ajude-nos a ajudar, com a ajuda de todos, do pouco de cada um podemos fazer muito.  
AJUDE A AJUDAR 
NIB- 0035 0103 0003 4317 00083 
IBAN- PT50 0035 0103 000343 17000 83 
CAIXA GERAL DE DEPÓSITOS
PUBLICADO digitalblueradio às 16:05 | LINK DO POST
tags:
Muita gente se questiona, Deus existe?
Quem é Deus? O maior líder?
A pessoa mais notável de todos os tempos? E Jesus ?                                                                      
Não importa se somos ou não católicos ou se estamos ou não comprometidos com a religião, independentemente destes factores, todos nós já ouvimos falar de Deus e de Jesus.
 Todos conhecemos alguma coisa sobre a história de um homem chamado Jesus de Nazaré. Ele é a personalidade mais singular de todos os tempos.
Jesus mudou a direção da história.
 Segundo consta, o nascimento de Jesus, foi profetizado, ao longo dos tempos muitos são os relatos sobre o  nascimento miraculoso, a sua vida sem pecado, os seus milagres, a sua morte e sua ressurreição.

A verdade no entanto é que sendo ou não verdade, Jesus influenciou os tempos através da história e um pouco por todo o mundo quando um azar nos bate á porta sendo ou não crentes sempre nos sai " AÍ meu Deus ".
 Na época natalicia e na Páscoa é mais que certo visualizarmos filmes que retratam o nascimento, a vida e a morte de Jesus, "Ben Hur" por exemplo é um dos filmes mais notáveis acerca da época de Cristo..
 Filho de Deus, Senhor, Mentiroso ou Lunático?
Você terá que fazer a sua escolha.

A maior parte das religiões foram fundadas por homens e estão baseadas em filosofias, regras e normas de condutas feitas por homens. O cristianismo bíblico não é apenas uma filosofia de vida, nem um padrão ético ou obediência a um ritual religioso. O cristianismo está baseado numa relação vital e pessoal com um Salvador ressuscitado e vivo.

Jesus foi crucificado numa cruz, sepultado num túmulo emprestado e três dias depois ressucitou dos mortos; neste aspecto o cristianismo é singular. Qualquer argumento para validar o cristianismo depende da prova da sua ressurreição.

 Muitas tem sido também as atrocidades cometidas em nome da religião, muitos perderam a vida por causa da fé; outros foram terrivelmente perseguidos. E ainda hoje a fé ou a crença mal medida leva a que se mate e morra por extremismos estupidos relacionados com a mesma e existe ainda quem use a fé dos outros para encher os bolsos em nome de Jesus.


Acreditemos ou não a verdade é que a VIDA é um verdadeiro dom e a sua criação um mistério.
De onde viemos? Como surgiu o primeiro homem? 
Descendemos dos macacos? A história Adão e Eva é realista?
Perguntas que não temos respostas para dar.
Permanece o enigma, quem nasceu primeiro o ovo ou a galinha?

PUBLICADO digitalblueradio às 17:15 | LINK DO POST
tags:
Muita gente se questiona, Deus existe?
Quem é Deus? O maior líder?
A pessoa mais notável de todos os tempos? E Jesus ?                                                                      
Não importa se somos ou não católicos ou se estamos ou não comprometidos com a religião, independentemente destes factores, todos nós já ouvimos falar de Deus e de Jesus.
 Todos conhecemos alguma coisa sobre a história de um homem chamado Jesus de Nazaré. Ele é a personalidade mais singular de todos os tempos.
Jesus mudou a direção da história.
 Segundo consta, o nascimento de Jesus, foi profetizado, ao longo dos tempos muitos são os relatos sobre o  nascimento miraculoso, a sua vida sem pecado, os seus milagres, a sua morte e sua ressurreição.

A verdade no entanto é que sendo ou não verdade, Jesus influenciou os tempos através da história e um pouco por todo o mundo quando um azar nos bate á porta sendo ou não crentes sempre nos sai " AÍ meu Deus ".
 Na época natalicia e na Páscoa é mais que certo visualizarmos filmes que retratam o nascimento, a vida e a morte de Jesus, "Ben Hur" por exemplo é um dos filmes mais notáveis acerca da época de Cristo..
 Filho de Deus, Senhor, Mentiroso ou Lunático?
Você terá que fazer a sua escolha.

A maior parte das religiões foram fundadas por homens e estão baseadas em filosofias, regras e normas de condutas feitas por homens. O cristianismo bíblico não é apenas uma filosofia de vida, nem um padrão ético ou obediência a um ritual religioso. O cristianismo está baseado numa relação vital e pessoal com um Salvador ressuscitado e vivo.

Jesus foi crucificado numa cruz, sepultado num túmulo emprestado e três dias depois ressucitou dos mortos; neste aspecto o cristianismo é singular. Qualquer argumento para validar o cristianismo depende da prova da sua ressurreição.

 Muitas tem sido também as atrocidades cometidas em nome da religião, muitos perderam a vida por causa da fé; outros foram terrivelmente perseguidos. E ainda hoje a fé ou a crença mal medida leva a que se mate e morra por extremismos estupidos relacionados com a mesma e existe ainda quem use a fé dos outros para encher os bolsos em nome de Jesus.


Acreditemos ou não a verdade é que a VIDA é um verdadeiro dom e a sua criação um mistério.
De onde viemos? Como surgiu o primeiro homem? 
Descendemos dos macacos? A história Adão e Eva é realista?
Perguntas que não temos respostas para dar.
Permanece o enigma, quem nasceu primeiro o ovo ou a galinha?

PUBLICADO digitalblueradio às 17:15 | LINK DO POST
tags:
Muita gente se questiona, Deus existe?
Quem é Deus? O maior líder?
A pessoa mais notável de todos os tempos? E Jesus ?                                                                      
Não importa se somos ou não católicos ou se estamos ou não comprometidos com a religião, independentemente destes factores, todos nós já ouvimos falar de Deus e de Jesus.
 Todos conhecemos alguma coisa sobre a história de um homem chamado Jesus de Nazaré. Ele é a personalidade mais singular de todos os tempos.
Jesus mudou a direção da história.
 Segundo consta, o nascimento de Jesus, foi profetizado, ao longo dos tempos muitos são os relatos sobre o  nascimento miraculoso, a sua vida sem pecado, os seus milagres, a sua morte e sua ressurreição.

A verdade no entanto é que sendo ou não verdade, Jesus influenciou os tempos através da história e um pouco por todo o mundo quando um azar nos bate á porta sendo ou não crentes sempre nos sai " AÍ meu Deus ".
 Na época natalicia e na Páscoa é mais que certo visualizarmos filmes que retratam o nascimento, a vida e a morte de Jesus, "Ben Hur" por exemplo é um dos filmes mais notáveis acerca da época de Cristo..
 Filho de Deus, Senhor, Mentiroso ou Lunático?
Você terá que fazer a sua escolha.

A maior parte das religiões foram fundadas por homens e estão baseadas em filosofias, regras e normas de condutas feitas por homens. O cristianismo bíblico não é apenas uma filosofia de vida, nem um padrão ético ou obediência a um ritual religioso. O cristianismo está baseado numa relação vital e pessoal com um Salvador ressuscitado e vivo.

Jesus foi crucificado numa cruz, sepultado num túmulo emprestado e três dias depois ressucitou dos mortos; neste aspecto o cristianismo é singular. Qualquer argumento para validar o cristianismo depende da prova da sua ressurreição.

 Muitas tem sido também as atrocidades cometidas em nome da religião, muitos perderam a vida por causa da fé; outros foram terrivelmente perseguidos. E ainda hoje a fé ou a crença mal medida leva a que se mate e morra por extremismos estupidos relacionados com a mesma e existe ainda quem use a fé dos outros para encher os bolsos em nome de Jesus.


Acreditemos ou não a verdade é que a VIDA é um verdadeiro dom e a sua criação um mistério.
De onde viemos? Como surgiu o primeiro homem? 
Descendemos dos macacos? A história Adão e Eva é realista?
Perguntas que não temos respostas para dar.
Permanece o enigma, quem nasceu primeiro o ovo ou a galinha?

PUBLICADO digitalblueradio às 17:15 | LINK DO POST
tags:
O valor das coisas, das simples e pequenas coisas da vida, do nosso dia-a dia, é traduzido pela espontaneidade dos gestos, pela vontade de dar, pela alegria que transborda do coração quando o prazer da oferta se equipara ao prazer do recebimento.
É assim que vejo a vida, o amor a amizade.
Um beijo leve p´la manhã no rosto do meu filho quando este ainda dorme ou se levanta pra ir p´ra escolinha quando a manhã rejuvenesce no céu.
O prazer de sentir o seu respirar sereno quando adormece ou simplesmente o seu olhar e sorrir,...
As suas brincadeiras e palavras o seu descobrir das coisas, é o alento que me resta, a alegria que me enche a alma …
Tudo coisas de dentro, coisas da alma, coisas de mim.
Promessas que faço a mim mesmo e que tento cumprir, o tempo que dou de mim e que é sempre pouco pras pequenas coisas do seu crescimento.
O tempo que queria não tivesse fim, não fosse o tempo o limite de nós…
As pequenas coisas têm o valor que têm.
A grandeza é medida com o sentir, em profundidade, como se um poço ou um abismo fossem a fita métrica da espontaneidade da dádiva.
São pequenas coisas… São sóis.
Mas sóis que enchem uma casa, abrem as janelas, estendem a colcha da fantasia e deixam a marcha da felicidade passar, guiada pela banda da alegria.
Não têm mais valor que um sorriso, nem mais importância que a afabilidade de um gesto.
São… Tudo o que tenho!

  Hoje deixei sem querer escapar uma lágrima …
De repente a minha mente transportou-me para o presente para a vida que construí, pequena mas tão cheia , ao olhar aquele rosto que me ilumina a alma ,....
Que presente e futuro terei para dar aos que me rodeiam quando nem o simples gesto de contribuir para o seu bem estar, o elementar acto de trazer para casa um ordenado que nos sustente consigo neste momento obter,....
O espelho do que sou e o presente surgiu sem sonhos,...
Fitei-o como quem tenta reconhecer alguma coisa que é sua e chorei....lágrimas que me queimavam o rosto e me enfureciam e desanimavam e em simultâneo, uma outra verdade desabrochou no mesmo espelho, acastanhada, distante, mofa…
O passado.
Quem fui e ao que cheguei,...
Uma intensa nuvem de condicionais libertou as águas invernias e inundou as razões, todas elas, que queria inexistentes.
A realidade era uma lágrima ácida a cair sobre a pele e a queimar a fantasia… 

  Só queria entender… o porquê.
Só queria ter esperança ,....acreditar que o futuro existe,....queria puder acompanhar como homem e pai o crescimento deste ser que deitei ao mundo, mas vejo dias tão cinzentos no horizonte.
Queria que a sua vida fosse de cor e felicidade e que o sol brilhasse sempre p´la manhã, ser eu o jardineiro daquele jardim florido ali á porta de casa mas nem sequer sei plantar e tão pouco sei semear alguma coisa…
Mas vi o seu rosto feliz entregue ao prazer como se voasse e fosse livre, num simples gesto de jogar a bola,....a andar de bicicleta.
Seres livre é um direito filho.
Esta é tão somente uma história, uma história como tantas outras histórias que preenchem a vida de de cada um de nós.
A cola está fresca, a fotografia é recente, pode desbotar… Uma história.
Levantei a cabeça e descobri que não conseguia chorar.
Chorar é típico dos fracos e eu não chorei,... apenas derramei uma lágrima,...

  A tua lágrima,...a lágrima que te dou meu filho,...pois sinto-me impotente neste momento perante a vida, perante o mundo, perante ti, eu que desejava apenas viver de pequenas coisas,apenas e só, pequenas coisas…
- oh filho se eu fosse jardineiro e conseguisse erradicar todos os cactos da vida!
Deixaria talvez um pouco de dor para que de quando em vez aparecesse e nos recordasse que nem tudo na vida é um mar de rosas e que teem espinhos,....
Se não houvesse dor, sobre que escreveriam os poetas?
A dor é importante, ainda que o nosso mundo seja apenas uma dilacerante dor, é a dor que tem a coragem de libertar a tal lágrima que cai sobre a pele e que ao queimar a fantasia me desnuda e aponta a realidade fria num horizonte vazio.
Agora agacho-me e tento apanhar os cacos da ilusão.
Quanto sobrou desta vez?
Talvez dê para fazer um soneto… Talvez sim…
Promessas da lua, quando prognosticou diante do mar e dos céus que me feriria pela eternidade de um lamento…
Um novo dia nasce e no horizonte vazio não vislumbro qualquer luz,... 

 -" e não meu filho o pai natal este ano não pode vir, perdeu-se no caminho,..."
-"desculpa filho mas não, este ano não te posso dar prendas, nem bolos para a ceia de Natal, nem doces, nem,...nem,..nem,...nem,..."
-"Filho este ano o pai não te pode dar nada , apenas um olhar de tristeza, angustia, lamento e lágrimas que morrem ao nascer,...."
-" sabes filho o pai não tem tostão,....não ganha tostão,...NÃO TEM TRABALHO,.....mas deixa filho tem esperança, o pai teve ao longo da vida esperança,....guarda-a contigo nunca a percas, ela é importante para nos encaminhar ao longo da vida,...."
-"sim filho diz:"
- A ESPERANÇA do pai?
-" perdia filho,...perdia!"

Rick e Renner, é lindo este tema.
PUBLICADO digitalblueradio às 16:33 | LINK DO POST
tags:
O valor das coisas, das simples e pequenas coisas da vida, do nosso dia-a dia, é traduzido pela espontaneidade dos gestos, pela vontade de dar, pela alegria que transborda do coração quando o prazer da oferta se equipara ao prazer do recebimento.
É assim que vejo a vida, o amor a amizade.
Um beijo leve p´la manhã no rosto do meu filho quando este ainda dorme ou se levanta pra ir p´ra escolinha quando a manhã rejuvenesce no céu.
O prazer de sentir o seu respirar sereno quando adormece ou simplesmente o seu olhar e sorrir,...
As suas brincadeiras e palavras o seu descobrir das coisas, é o alento que me resta, a alegria que me enche a alma …
Tudo coisas de dentro, coisas da alma, coisas de mim.
Promessas que faço a mim mesmo e que tento cumprir, o tempo que dou de mim e que é sempre pouco pras pequenas coisas do seu crescimento.
O tempo que queria não tivesse fim, não fosse o tempo o limite de nós…
As pequenas coisas têm o valor que têm.
A grandeza é medida com o sentir, em profundidade, como se um poço ou um abismo fossem a fita métrica da espontaneidade da dádiva.
São pequenas coisas… São sóis.
Mas sóis que enchem uma casa, abrem as janelas, estendem a colcha da fantasia e deixam a marcha da felicidade passar, guiada pela banda da alegria.
Não têm mais valor que um sorriso, nem mais importância que a afabilidade de um gesto.
São… Tudo o que tenho!

  Hoje deixei sem querer escapar uma lágrima …
De repente a minha mente transportou-me para o presente para a vida que construí, pequena mas tão cheia , ao olhar aquele rosto que me ilumina a alma ,....
Que presente e futuro terei para dar aos que me rodeiam quando nem o simples gesto de contribuir para o seu bem estar, o elementar acto de trazer para casa um ordenado que nos sustente consigo neste momento obter,....
O espelho do que sou e o presente surgiu sem sonhos,...
Fitei-o como quem tenta reconhecer alguma coisa que é sua e chorei....lágrimas que me queimavam o rosto e me enfureciam e desanimavam e em simultâneo, uma outra verdade desabrochou no mesmo espelho, acastanhada, distante, mofa…
O passado.
Quem fui e ao que cheguei,...
Uma intensa nuvem de condicionais libertou as águas invernias e inundou as razões, todas elas, que queria inexistentes.
A realidade era uma lágrima ácida a cair sobre a pele e a queimar a fantasia… 

  Só queria entender… o porquê.
Só queria ter esperança ,....acreditar que o futuro existe,....queria puder acompanhar como homem e pai o crescimento deste ser que deitei ao mundo, mas vejo dias tão cinzentos no horizonte.
Queria que a sua vida fosse de cor e felicidade e que o sol brilhasse sempre p´la manhã, ser eu o jardineiro daquele jardim florido ali á porta de casa mas nem sequer sei plantar e tão pouco sei semear alguma coisa…
Mas vi o seu rosto feliz entregue ao prazer como se voasse e fosse livre, num simples gesto de jogar a bola,....a andar de bicicleta.
Seres livre é um direito filho.
Esta é tão somente uma história, uma história como tantas outras histórias que preenchem a vida de de cada um de nós.
A cola está fresca, a fotografia é recente, pode desbotar… Uma história.
Levantei a cabeça e descobri que não conseguia chorar.
Chorar é típico dos fracos e eu não chorei,... apenas derramei uma lágrima,...

  A tua lágrima,...a lágrima que te dou meu filho,...pois sinto-me impotente neste momento perante a vida, perante o mundo, perante ti, eu que desejava apenas viver de pequenas coisas,apenas e só, pequenas coisas…
- oh filho se eu fosse jardineiro e conseguisse erradicar todos os cactos da vida!
Deixaria talvez um pouco de dor para que de quando em vez aparecesse e nos recordasse que nem tudo na vida é um mar de rosas e que teem espinhos,....
Se não houvesse dor, sobre que escreveriam os poetas?
A dor é importante, ainda que o nosso mundo seja apenas uma dilacerante dor, é a dor que tem a coragem de libertar a tal lágrima que cai sobre a pele e que ao queimar a fantasia me desnuda e aponta a realidade fria num horizonte vazio.
Agora agacho-me e tento apanhar os cacos da ilusão.
Quanto sobrou desta vez?
Talvez dê para fazer um soneto… Talvez sim…
Promessas da lua, quando prognosticou diante do mar e dos céus que me feriria pela eternidade de um lamento…
Um novo dia nasce e no horizonte vazio não vislumbro qualquer luz,... 

 -" e não meu filho o pai natal este ano não pode vir, perdeu-se no caminho,..."
-"desculpa filho mas não, este ano não te posso dar prendas, nem bolos para a ceia de Natal, nem doces, nem,...nem,..nem,...nem,..."
-"Filho este ano o pai não te pode dar nada , apenas um olhar de tristeza, angustia, lamento e lágrimas que morrem ao nascer,...."
-" sabes filho o pai não tem tostão,....não ganha tostão,...NÃO TEM TRABALHO,.....mas deixa filho tem esperança, o pai teve ao longo da vida esperança,....guarda-a contigo nunca a percas, ela é importante para nos encaminhar ao longo da vida,...."
-"sim filho diz:"
- A ESPERANÇA do pai?
-" perdia filho,...perdia!"

Rick e Renner, é lindo este tema.
PUBLICADO digitalblueradio às 16:33 | LINK DO POST
tags:
O valor das coisas, das simples e pequenas coisas da vida, do nosso dia-a dia, é traduzido pela espontaneidade dos gestos, pela vontade de dar, pela alegria que transborda do coração quando o prazer da oferta se equipara ao prazer do recebimento.
É assim que vejo a vida, o amor a amizade.
Um beijo leve p´la manhã no rosto do meu filho quando este ainda dorme ou se levanta pra ir p´ra escolinha quando a manhã rejuvenesce no céu.
O prazer de sentir o seu respirar sereno quando adormece ou simplesmente o seu olhar e sorrir,...
As suas brincadeiras e palavras o seu descobrir das coisas, é o alento que me resta, a alegria que me enche a alma …
Tudo coisas de dentro, coisas da alma, coisas de mim.
Promessas que faço a mim mesmo e que tento cumprir, o tempo que dou de mim e que é sempre pouco pras pequenas coisas do seu crescimento.
O tempo que queria não tivesse fim, não fosse o tempo o limite de nós…
As pequenas coisas têm o valor que têm.
A grandeza é medida com o sentir, em profundidade, como se um poço ou um abismo fossem a fita métrica da espontaneidade da dádiva.
São pequenas coisas… São sóis.
Mas sóis que enchem uma casa, abrem as janelas, estendem a colcha da fantasia e deixam a marcha da felicidade passar, guiada pela banda da alegria.
Não têm mais valor que um sorriso, nem mais importância que a afabilidade de um gesto.
São… Tudo o que tenho!

  Hoje deixei sem querer escapar uma lágrima …
De repente a minha mente transportou-me para o presente para a vida que construí, pequena mas tão cheia , ao olhar aquele rosto que me ilumina a alma ,....
Que presente e futuro terei para dar aos que me rodeiam quando nem o simples gesto de contribuir para o seu bem estar, o elementar acto de trazer para casa um ordenado que nos sustente consigo neste momento obter,....
O espelho do que sou e o presente surgiu sem sonhos,...
Fitei-o como quem tenta reconhecer alguma coisa que é sua e chorei....lágrimas que me queimavam o rosto e me enfureciam e desanimavam e em simultâneo, uma outra verdade desabrochou no mesmo espelho, acastanhada, distante, mofa…
O passado.
Quem fui e ao que cheguei,...
Uma intensa nuvem de condicionais libertou as águas invernias e inundou as razões, todas elas, que queria inexistentes.
A realidade era uma lágrima ácida a cair sobre a pele e a queimar a fantasia… 

  Só queria entender… o porquê.
Só queria ter esperança ,....acreditar que o futuro existe,....queria puder acompanhar como homem e pai o crescimento deste ser que deitei ao mundo, mas vejo dias tão cinzentos no horizonte.
Queria que a sua vida fosse de cor e felicidade e que o sol brilhasse sempre p´la manhã, ser eu o jardineiro daquele jardim florido ali á porta de casa mas nem sequer sei plantar e tão pouco sei semear alguma coisa…
Mas vi o seu rosto feliz entregue ao prazer como se voasse e fosse livre, num simples gesto de jogar a bola,....a andar de bicicleta.
Seres livre é um direito filho.
Esta é tão somente uma história, uma história como tantas outras histórias que preenchem a vida de de cada um de nós.
A cola está fresca, a fotografia é recente, pode desbotar… Uma história.
Levantei a cabeça e descobri que não conseguia chorar.
Chorar é típico dos fracos e eu não chorei,... apenas derramei uma lágrima,...

  A tua lágrima,...a lágrima que te dou meu filho,...pois sinto-me impotente neste momento perante a vida, perante o mundo, perante ti, eu que desejava apenas viver de pequenas coisas,apenas e só, pequenas coisas…
- oh filho se eu fosse jardineiro e conseguisse erradicar todos os cactos da vida!
Deixaria talvez um pouco de dor para que de quando em vez aparecesse e nos recordasse que nem tudo na vida é um mar de rosas e que teem espinhos,....
Se não houvesse dor, sobre que escreveriam os poetas?
A dor é importante, ainda que o nosso mundo seja apenas uma dilacerante dor, é a dor que tem a coragem de libertar a tal lágrima que cai sobre a pele e que ao queimar a fantasia me desnuda e aponta a realidade fria num horizonte vazio.
Agora agacho-me e tento apanhar os cacos da ilusão.
Quanto sobrou desta vez?
Talvez dê para fazer um soneto… Talvez sim…
Promessas da lua, quando prognosticou diante do mar e dos céus que me feriria pela eternidade de um lamento…
Um novo dia nasce e no horizonte vazio não vislumbro qualquer luz,... 

 -" e não meu filho o pai natal este ano não pode vir, perdeu-se no caminho,..."
-"desculpa filho mas não, este ano não te posso dar prendas, nem bolos para a ceia de Natal, nem doces, nem,...nem,..nem,...nem,..."
-"Filho este ano o pai não te pode dar nada , apenas um olhar de tristeza, angustia, lamento e lágrimas que morrem ao nascer,...."
-" sabes filho o pai não tem tostão,....não ganha tostão,...NÃO TEM TRABALHO,.....mas deixa filho tem esperança, o pai teve ao longo da vida esperança,....guarda-a contigo nunca a percas, ela é importante para nos encaminhar ao longo da vida,...."
-"sim filho diz:"
- A ESPERANÇA do pai?
-" perdia filho,...perdia!"

Rick e Renner, é lindo este tema.
PUBLICADO digitalblueradio às 16:33 | LINK DO POST
tags:
QUEM SOU EU
PESQUISAR NO BLOG
 
Fevereiro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
COMENTÁRIOS
acho que deve ser respeitada... http://www.goiasc...
vc que é de maior tem face e whatsaap vem encontra...
a discografia tem um ep com o titulo errado, onde ...
Armando Gama fomos contemporâneos no Salvador Corr...
A juventude nos leva a caminhos ruins , e procuram...
A primeira fotografia é da Praça Marquês de Pombal...
Eu gosto de ti Beto adorei cd foi muito bom ele é ...
GANHA MENSALMENTE COMO PRESIDENTE DA COMISSÃO EURO...
Que feio!Foi no meu blog, pegou meu texto, modific...
E um meio de sobrevive
MAIS COMENTADOS
blogs SAPO