O MELHOR DE TODOS OS TEMPOS
Concerto dos AC/DC ao vivo "Live at Donington", em Agosto de 1991. Um espectáculo memorável.
PUBLICADO digitalblueradio às 20:33 | LINK DO POST
tags:
Ninguém vive eternamente, no entanto já vivo com saudade.
Sei que um dia partirei e deixarei quem mais amo,....
Aqui fica um tema com especial dedicatória para ti meu filho,.....
" Agora há um caminho, e eu sei
que  tenho que ir embora".
PUBLICADO digitalblueradio às 16:40 | LINK DO POST
tags:
Ninguém vive eternamente, no entanto já vivo com saudade.
Sei que um dia partirei e deixarei quem mais amo,....
Aqui fica um tema com especial dedicatória para ti meu filho,.....
" Agora há um caminho, e eu sei
que  tenho que ir embora".
PUBLICADO digitalblueradio às 16:40 | LINK DO POST
tags:
Ninguém vive eternamente, no entanto já vivo com saudade.
Sei que um dia partirei e deixarei quem mais amo,....
Aqui fica um tema com especial dedicatória para ti meu filho,.....
" Agora há um caminho, e eu sei
que  tenho que ir embora".
PUBLICADO digitalblueradio às 16:40 | LINK DO POST
tags:
Armando António Capelo Diniz da Gama nasceu em Luanda, Angola a 1 de Abril de 1954. O seu percurso musical começa logo desde cedo, quando em 1959 toca harmónica para a família. Em 1961 estuda acordeão e em 1968 faz na viola a sua primeira composição. Em 1970 forma o seu primeiro conjunto: "LoveBirds", estuda piano e solfejo na Academia de Música de Luanda. Em 1971 integra o duo "Marinho e Gama" e grava o 1º disco com duas músicas de sua autoria: "Menino" e "Spanish Garden".
Em 1974 chega a Lisboa, forma os "Tantra" em 1976 e grava um single e um LP. Em 1978 forma o Duo "Sarabanda" com Cris Köpke, participa no Festival RTP da Canção em 1980 com a canção "Made in Portugal". Em 1980 como orquestrador e produtor trabalha com Dina, Mário Mata, Dino Meira, Doce, Trio Odemira ou Nicolau Breyner. Canta o tema principal da série infantil "Bana e Flapi" e todas as canções de "Sport Billy", outra série de televisão.
Forma os "Canone" em 1981 gravando um single com a música "Miúda Funky" e "não vou por aí". Em 1982 grava o seu 1º disco a solo, "Quase Tudo". Em 1983 venceu o XX Festival RTP da Canção, "Esta Balada Que Te Dou".
Em 1986 grava dois singles "No teu Abraço" e "Adoro Chopin". Em 1987 inicia gravações e espectáculos com Valentina Torres. Grava o primeiro disco deste duo, o Maxi Single "Mona Lisa". Fazem a sua aparição em vários programas de televisão. Gravam "Sonho de Natal" em 1988, "maria Linda" em 1989 e em 1991 "Menina agarra o teu rapaz". Em 1992 concorre ao XXX Festival RTP da Canção com "Se Eu Sonhar".
Armando e Valentina gravam alguns discos juntos entre eles "Cenas de um casamento" e "Tu tens outra". Nos anos seguintes actua no Casino do Estoril e apresenta o espectáculo "Armando Gama o 5º Beatle". "Amor mais que perfeito" foi a canção que Armando Gama levou à semi-sinal do Festival RTP da Canção 2009. 
PUBLICADO digitalblueradio às 13:10 | LINK DO POST
Armando António Capelo Diniz da Gama nasceu em Luanda, Angola a 1 de Abril de 1954. O seu percurso musical começa logo desde cedo, quando em 1959 toca harmónica para a família. Em 1961 estuda acordeão e em 1968 faz na viola a sua primeira composição. Em 1970 forma o seu primeiro conjunto: "LoveBirds", estuda piano e solfejo na Academia de Música de Luanda. Em 1971 integra o duo "Marinho e Gama" e grava o 1º disco com duas músicas de sua autoria: "Menino" e "Spanish Garden".
Em 1974 chega a Lisboa, forma os "Tantra" em 1976 e grava um single e um LP. Em 1978 forma o Duo "Sarabanda" com Cris Köpke, participa no Festival RTP da Canção em 1980 com a canção "Made in Portugal". Em 1980 como orquestrador e produtor trabalha com Dina, Mário Mata, Dino Meira, Doce, Trio Odemira ou Nicolau Breyner. Canta o tema principal da série infantil "Bana e Flapi" e todas as canções de "Sport Billy", outra série de televisão.
Forma os "Canone" em 1981 gravando um single com a música "Miúda Funky" e "não vou por aí". Em 1982 grava o seu 1º disco a solo, "Quase Tudo". Em 1983 venceu o XX Festival RTP da Canção, "Esta Balada Que Te Dou".
Em 1986 grava dois singles "No teu Abraço" e "Adoro Chopin". Em 1987 inicia gravações e espectáculos com Valentina Torres. Grava o primeiro disco deste duo, o Maxi Single "Mona Lisa". Fazem a sua aparição em vários programas de televisão. Gravam "Sonho de Natal" em 1988, "maria Linda" em 1989 e em 1991 "Menina agarra o teu rapaz". Em 1992 concorre ao XXX Festival RTP da Canção com "Se Eu Sonhar".
Armando e Valentina gravam alguns discos juntos entre eles "Cenas de um casamento" e "Tu tens outra". Nos anos seguintes actua no Casino do Estoril e apresenta o espectáculo "Armando Gama o 5º Beatle". "Amor mais que perfeito" foi a canção que Armando Gama levou à semi-sinal do Festival RTP da Canção 2009. 
PUBLICADO digitalblueradio às 13:10 | LINK DO POST
Armando António Capelo Diniz da Gama nasceu em Luanda, Angola a 1 de Abril de 1954. O seu percurso musical começa logo desde cedo, quando em 1959 toca harmónica para a família. Em 1961 estuda acordeão e em 1968 faz na viola a sua primeira composição. Em 1970 forma o seu primeiro conjunto: "LoveBirds", estuda piano e solfejo na Academia de Música de Luanda. Em 1971 integra o duo "Marinho e Gama" e grava o 1º disco com duas músicas de sua autoria: "Menino" e "Spanish Garden".
Em 1974 chega a Lisboa, forma os "Tantra" em 1976 e grava um single e um LP. Em 1978 forma o Duo "Sarabanda" com Cris Köpke, participa no Festival RTP da Canção em 1980 com a canção "Made in Portugal". Em 1980 como orquestrador e produtor trabalha com Dina, Mário Mata, Dino Meira, Doce, Trio Odemira ou Nicolau Breyner. Canta o tema principal da série infantil "Bana e Flapi" e todas as canções de "Sport Billy", outra série de televisão.
Forma os "Canone" em 1981 gravando um single com a música "Miúda Funky" e "não vou por aí". Em 1982 grava o seu 1º disco a solo, "Quase Tudo". Em 1983 venceu o XX Festival RTP da Canção, "Esta Balada Que Te Dou".
Em 1986 grava dois singles "No teu Abraço" e "Adoro Chopin". Em 1987 inicia gravações e espectáculos com Valentina Torres. Grava o primeiro disco deste duo, o Maxi Single "Mona Lisa". Fazem a sua aparição em vários programas de televisão. Gravam "Sonho de Natal" em 1988, "maria Linda" em 1989 e em 1991 "Menina agarra o teu rapaz". Em 1992 concorre ao XXX Festival RTP da Canção com "Se Eu Sonhar".
Armando e Valentina gravam alguns discos juntos entre eles "Cenas de um casamento" e "Tu tens outra". Nos anos seguintes actua no Casino do Estoril e apresenta o espectáculo "Armando Gama o 5º Beatle". "Amor mais que perfeito" foi a canção que Armando Gama levou à semi-sinal do Festival RTP da Canção 2009. 
PUBLICADO digitalblueradio às 13:10 | LINK DO POST
tags:
Um homem foi consultar uma vidente e sentou-se diante da bola de cristal!  
-Vejo que é pai de dois filhos - disse ela. 
- Isso é o que a senhora julga - respondeu o homem, sou pai de três filhos.
- Isso é o que o senhor pensa...
 PARA MEDITAR
« Conta-se que um turista americano foi à cidade do Cairo, no Egipto, com o objectivo de visitar um famoso sábio. 
O turista ficou surpreendido ao ver que este morava num quarto muito simples e cheio de livros. As únicas peças de mobiliário eram uma cama, uma mesa e um banco. 
- Onde estão os seus móveis? - Perguntou o turista. 
E o sábio, rapidamente, perguntou também:
- E onde estão os seus...? - Os meus?! - Surpreendeu-se o turista 
- Mas eu estou aqui apenas de passagem!!!!! 
- Eu também... - concluiu o sábio. 
A vida é somente uma passagem...
No entanto, alguns vivem como se fossem 
ficar aqui eternamente e esquecem-se de ser felizes. »
O Zé morreu, quando chega às portas do céu. Toca à campainha e atende-lhe o S.Pedro:  
SP: Que se passa? 
- S.Pedro, morri e venho para o céu... 
SP: Como te chamas? - Zé... 
S.Pedro consulta o computador e responde-lhe: 
SP: Não. Não existe o teu nome nas listas de entrada. Aqui não podes entrar...
- Não? Não pode ser… Sempre levei uma vida santa… 
SP: Não… Aqui não tens vaga… Tenta ir lá abaixo… 
E assim foi. 
Bate às portas do Inferno.
 - Lúcifer, morri e venho para o Inferno.
O Diabo volta, responde-lhe: 
D: Não, não tenho o teu nome… Aqui não entras… 
Zé: Não pode ser… Se eu morri, tenho que ir para algum lado… Eu não sou nenhuma alma penada.
D: Olha, vai lá cima falar com o Criador para ele dizer o que fazer...
E assim foi… 
Falou com Cristo e este responde-lhe: 
C: Não sei o que se passa… O teu nome não consta das listas. Não podes ir para nenhum dos lados…
Zé: Não pode ser… Eu não sou nenhuma alma penada…
C: Só há uma solução... Voltares à Terra e reencarnares...
Zé: Olha… Que se lixe... 
Sempre é melhor que ser uma alma penada…
C: OK, mas estás com azar que já só tenho um meio de transporte livre…
Zé: Não importa... Não importa...
Quando o Zé abre os olhos estava num galinheiro... 
Olha para si e repara que tinha reencarnado numa galinha... 
Vê a porta do galinheiro a abrir-se e entra o dono. 
Levanta uma galinha… Tira o ovo… 
Levanta a segunda galinha, não tem ovo, torce-lhe o pescoço. (regra: se tem ovo vive, senão morre...) 
O Zé olha para o ninho e vê que não tem ovo e pergunta à galinha do lado como fazer para ter um ovo. 
Resposta: - Tens que fazer força, muita força, mesmo muita força…
E o Zé começa a fazer força:
Hummmmmm! Hummmmmmmm! Hummmmm! Hummmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm...
De repente alguém toca no Zé e diz-lhe:
- ACORDA ZÉ! ACORDA ZÉ... 
Estas a borrar a cama toda…
Shopping Center de maridos
Era uma vez um Shopping Center de Maridos
Aqui as mulheres podiam escolher o marido, 
dentre as várias opções disponíveis de homens. 
O shopping tinha cinco andares, sendo que as qualidades dos homens cresciam à medida que se subia. 
A única regra era que, uma vez num andar, já não se podia descer - a escolha tinha que ser feita naquele andar, subir ao próximo, ou ir embora. 
Então uma dupla de amigas foi até ao shopping. 
PRIMEIRO ANDAR
Um aviso na porta dizia 
"Os homens deste andar trabalham e gostam de crianças"
Uma das amigas disse para a outra 
"Bem, é melhor do que ser desempregado ou não gostar de crianças, mas como serão os homens do próximo andar?"
Então subiram as escadas. 
SEGUNDO ANDAR
"Os homens deste andar trabalham, 
têm excelentes salários, gostam de crianças e são muito bonitos".
"Eh pá, isto está a ficar interessante?" - diz a mulher. 
- " Como serão então os homens do próximo andar? "
E subiram as escadas.
TERCEIRO ANDAR
"Os homens deste andar trabalham, 
têm excelentes salários, gostam de crianças, 
são muito bonitos e ajudam no serviço doméstico".
- "Amigas está quase perfeito! " 
dizem elas - "Muito tentador, mas como serão os homens do próximo andar?" 
E subiram as escadas…
QUARTO ANDAR
"Os homens deste andar trabalham, 
têm excelentes salários, gostam de crianças, 
são muito bonitos, ajudam no serviço doméstico 
e são óptimos amantes".
"Meu Deus...pensem amigas! 
O que será que nos aguarda no quinto andar???"
E subiram ao quinto andar. 
QUINTO ANDAR
A placa na porta do andar vazio dizia 
"Este andar serve para provar que é impossível satisfazer as mulheres. Por favor siga até à saída e tenha um bom dia".
VAIDADE FEMININA 
Uma mulher foi levada para os Cuidados Intensivos de um Hospital. Chegou lá quase morta, em pré-coma. 
E, neste estado, encontrou-se com Deus: 
- Que é que aconteceu? - perguntou ao Criador - eu morri? 
- Não, pelos meus cálculos, você morrerá daqui a 43 anos, 8 meses, 9 dias e 16 horas - respondeu o Eterno.
Ao voltar a si, sabendo quanto tempo ainda tinha de vida, resolveu, ali mesmo naquela clínica, fazer uma lipoaspiração, uma plástica de restauração dos seios, plástica no rosto, no nariz, na barriga, tirou todos os excessos, ficando linda e jovial. Teve alta uma semana depois. 
No dia seguinte, ao atravessar uma rua, veio um carro em alta velocidade, atropelou-a, morreu. 
Ao encontrar-se de novo com Deus, ela perguntou:
- Senhor Deus, eu achei que tinha mais 43 anos de vida. 
Por que é que morri? Gastei tanto dinheiro em cirurgias plásticas, para ficar linda! 
Deus, aproximando-se dela e olhando-a directamente nos olhos, respondeu: 
- OH MINHA FILHA, JURO QUE NÃO TE RECONHECI
No frigorífico, um copo de vinho provoca um copo de leite: 
- Oh branquinho! Estas mesmo branco, pá! 
Não tens vergonha dessa cor desbotada? 
Vai apanhar um pouco de sol, faz-te bem à saúde! 
 - Olha só, quem fala de saúde, "oh só mais um copinho"! 
Logo tu que só prejudicas as pessoas! 
Atacas o fígado, embriagas, fazes as pessoas fazerem figuras tristes, só fazes é mal! 
Mas o copo de vinho não se deu por vencido e respondeu:
- OK! Sim, tudo o que disseste é verdade, mas olha lá a minha mãe é uma uva... E a tua?
Era uma mulher que todos os dias estava na igreja a rezar.
Um dia, o padre resolveu ir falar com a mulher:
- Minha senhora, o que se passa? 
Todos os dias a senhora está aqui a rezar…
- Sabe senhor padre, eu queria engravidar, mas não consigo, e então venho aqui todos os dias rezar 500 Ave-Marias.
Diz o Padre: - E já experimentou um padre nosso?
Estava na hora de almoço e São Pedro ia almoçar, 
pediu então a Jesus que ficasse no lugar dele. 
Nisto, entra nas portas do Céu um velhinho, 
Jesus pergunta-lhe: - Então, vamos lá saber, quem és tu? 
E o velho: - Não sei... Eu já sou muito velhinho e não me lembro de nada. 
A única coisa que me lembro é que eu era carpinteiro 
e que o meu filho ficou muito famoso. 
Então Jesus gritou emocionado: - Pai!!!
E o velho: - Pinóquio!!!
 (que ninguém se sinta ofendido!) 
Um fabricante de pregos de nome Garcia, decidiu publicitar a sua marca. Dirigiu-se então a uma agência de publicidade e disse que queria um anúncio, algo relacionado com a religião.
 No Domingo seguinte quando foi à Missa ouviu da boca do Padre: - Este Garcia deveria ser excomungado! 
- Porquê? – Perguntou o Garcia.
- Vá lá fora ver. - Disse o Padre.
Garcia foi e viu um grande anúncio mostrando Jesus pregado na cruz e, escrito em baixo:
«Com pregos Garcia, 2000 anos de garantia!»
De imediato, Garcia foi à agência de publicidade 
pedir para mudarem o anúncio.
No Domingo seguinte, o Padre, mais zangado ainda, disse:
- Este Garcia vai ser excomungado! 
- Porquê? - Disse Garcia.
- Não sabes? Vai lá fora ver!
Desta vez Garcia, encontrou um anúncio que mostrava a cruz bem levantada e Jesus caído no chão, e em baixo dizia:
«Com pregos Garcia, nada disto acontecia!»
 E mais uma vez Garcia pediu à agência para mudar o anúncio. 
No Domingo seguinte, o Padre já fora de si gritava:
- Excomungado sejas Garcia!
Sem precisar de mais palavras, Garcia foi ver o seu novo anúncio. Este, desta vez, mostrava a cruz bem levantada e alguns pregos no chão. Em baixo dizia:
«Com pregos Garcia, Jesus não fugia!»
Um rato, olhando pelo buraco na parede, 
vê o dono da quinta e a mulher a abrir um pacote. 
Pensou logo no tipo de comida que poderia haver ali. 
Ao descobrir que era uma ratoeira ficou aterrorizado.
Correu para o pátio da quinta avisar todos: 
"Há uma ratoeira na casa, uma ratoeira na casa!"
Diz a galinha: "Desculpa lá ó Rato, eu entendo que seja um grande problema para ti, mas a mim não me prejudica nada, não me incomoda." 
O rato foi falar com o porco e disse-lhe: 
"Há uma ratoeira na casa, uma ratoeira!"
"Oh, Rato,..." -  disse o porco - "que queres que eu faça, olha reza." 
O rato dirigiu-se então à vaca. Diz a vaca: 
"O quê, uma ratoeira? Por acaso achas que estou em perigo? Acho que não!" 
 Então o rato voltou para a casa, cabisbaixo e abatido
Naquela noite ouviu-se um barulho, como o de uma ratoeira. 
A mulher correu para ver o que tinha acontecido. 
No escuro, ela não viu que a ratoeira tinha apanhado uma cobra venenosa. E a cobra picou a mulher... 
Foi logo para o hospital, mas voltou com febre. 
Todo agente sabe que para alimentar alguém com febre, nada melhor que uma canja de galinha… 
O homem então pega num cutelo e foi providenciar o ingrediente principal. 
Como a doença da mulher continuava, os amigos e vizinhos vieram visitá-la. Para alimentá-los o homem matou o porco. 
A mulher não melhorou e morreu. 
Muita gente veio para o funeral. O homem então sacrificou a vaca, para alimentar os amigos. 
Moral da história: Da próxima vez que você ouvir dizer que alguém está diante de um problema e acredite que o problema não lhe diz respeito, lembre-se que «quando há uma ratoeira na casa, todos correm risco». O problema de um é problema de todos.
PUBLICADO digitalblueradio às 09:57 | LINK DO POST
tags:
Um homem foi consultar uma vidente e sentou-se diante da bola de cristal!  
-Vejo que é pai de dois filhos - disse ela. 
- Isso é o que a senhora julga - respondeu o homem, sou pai de três filhos.
- Isso é o que o senhor pensa...
 PARA MEDITAR
« Conta-se que um turista americano foi à cidade do Cairo, no Egipto, com o objectivo de visitar um famoso sábio. 
O turista ficou surpreendido ao ver que este morava num quarto muito simples e cheio de livros. As únicas peças de mobiliário eram uma cama, uma mesa e um banco. 
- Onde estão os seus móveis? - Perguntou o turista. 
E o sábio, rapidamente, perguntou também:
- E onde estão os seus...? - Os meus?! - Surpreendeu-se o turista 
- Mas eu estou aqui apenas de passagem!!!!! 
- Eu também... - concluiu o sábio. 
A vida é somente uma passagem...
No entanto, alguns vivem como se fossem 
ficar aqui eternamente e esquecem-se de ser felizes. »
O Zé morreu, quando chega às portas do céu. Toca à campainha e atende-lhe o S.Pedro:  
SP: Que se passa? 
- S.Pedro, morri e venho para o céu... 
SP: Como te chamas? - Zé... 
S.Pedro consulta o computador e responde-lhe: 
SP: Não. Não existe o teu nome nas listas de entrada. Aqui não podes entrar...
- Não? Não pode ser… Sempre levei uma vida santa… 
SP: Não… Aqui não tens vaga… Tenta ir lá abaixo… 
E assim foi. 
Bate às portas do Inferno.
 - Lúcifer, morri e venho para o Inferno.
O Diabo volta, responde-lhe: 
D: Não, não tenho o teu nome… Aqui não entras… 
Zé: Não pode ser… Se eu morri, tenho que ir para algum lado… Eu não sou nenhuma alma penada.
D: Olha, vai lá cima falar com o Criador para ele dizer o que fazer...
E assim foi… 
Falou com Cristo e este responde-lhe: 
C: Não sei o que se passa… O teu nome não consta das listas. Não podes ir para nenhum dos lados…
Zé: Não pode ser… Eu não sou nenhuma alma penada…
C: Só há uma solução... Voltares à Terra e reencarnares...
Zé: Olha… Que se lixe... 
Sempre é melhor que ser uma alma penada…
C: OK, mas estás com azar que já só tenho um meio de transporte livre…
Zé: Não importa... Não importa...
Quando o Zé abre os olhos estava num galinheiro... 
Olha para si e repara que tinha reencarnado numa galinha... 
Vê a porta do galinheiro a abrir-se e entra o dono. 
Levanta uma galinha… Tira o ovo… 
Levanta a segunda galinha, não tem ovo, torce-lhe o pescoço. (regra: se tem ovo vive, senão morre...) 
O Zé olha para o ninho e vê que não tem ovo e pergunta à galinha do lado como fazer para ter um ovo. 
Resposta: - Tens que fazer força, muita força, mesmo muita força…
E o Zé começa a fazer força:
Hummmmmm! Hummmmmmmm! Hummmmm! Hummmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm...
De repente alguém toca no Zé e diz-lhe:
- ACORDA ZÉ! ACORDA ZÉ... 
Estas a borrar a cama toda…
Shopping Center de maridos
Era uma vez um Shopping Center de Maridos
Aqui as mulheres podiam escolher o marido, 
dentre as várias opções disponíveis de homens. 
O shopping tinha cinco andares, sendo que as qualidades dos homens cresciam à medida que se subia. 
A única regra era que, uma vez num andar, já não se podia descer - a escolha tinha que ser feita naquele andar, subir ao próximo, ou ir embora. 
Então uma dupla de amigas foi até ao shopping. 
PRIMEIRO ANDAR
Um aviso na porta dizia 
"Os homens deste andar trabalham e gostam de crianças"
Uma das amigas disse para a outra 
"Bem, é melhor do que ser desempregado ou não gostar de crianças, mas como serão os homens do próximo andar?"
Então subiram as escadas. 
SEGUNDO ANDAR
"Os homens deste andar trabalham, 
têm excelentes salários, gostam de crianças e são muito bonitos".
"Eh pá, isto está a ficar interessante?" - diz a mulher. 
- " Como serão então os homens do próximo andar? "
E subiram as escadas.
TERCEIRO ANDAR
"Os homens deste andar trabalham, 
têm excelentes salários, gostam de crianças, 
são muito bonitos e ajudam no serviço doméstico".
- "Amigas está quase perfeito! " 
dizem elas - "Muito tentador, mas como serão os homens do próximo andar?" 
E subiram as escadas…
QUARTO ANDAR
"Os homens deste andar trabalham, 
têm excelentes salários, gostam de crianças, 
são muito bonitos, ajudam no serviço doméstico 
e são óptimos amantes".
"Meu Deus...pensem amigas! 
O que será que nos aguarda no quinto andar???"
E subiram ao quinto andar. 
QUINTO ANDAR
A placa na porta do andar vazio dizia 
"Este andar serve para provar que é impossível satisfazer as mulheres. Por favor siga até à saída e tenha um bom dia".
VAIDADE FEMININA 
Uma mulher foi levada para os Cuidados Intensivos de um Hospital. Chegou lá quase morta, em pré-coma. 
E, neste estado, encontrou-se com Deus: 
- Que é que aconteceu? - perguntou ao Criador - eu morri? 
- Não, pelos meus cálculos, você morrerá daqui a 43 anos, 8 meses, 9 dias e 16 horas - respondeu o Eterno.
Ao voltar a si, sabendo quanto tempo ainda tinha de vida, resolveu, ali mesmo naquela clínica, fazer uma lipoaspiração, uma plástica de restauração dos seios, plástica no rosto, no nariz, na barriga, tirou todos os excessos, ficando linda e jovial. Teve alta uma semana depois. 
No dia seguinte, ao atravessar uma rua, veio um carro em alta velocidade, atropelou-a, morreu. 
Ao encontrar-se de novo com Deus, ela perguntou:
- Senhor Deus, eu achei que tinha mais 43 anos de vida. 
Por que é que morri? Gastei tanto dinheiro em cirurgias plásticas, para ficar linda! 
Deus, aproximando-se dela e olhando-a directamente nos olhos, respondeu: 
- OH MINHA FILHA, JURO QUE NÃO TE RECONHECI
No frigorífico, um copo de vinho provoca um copo de leite: 
- Oh branquinho! Estas mesmo branco, pá! 
Não tens vergonha dessa cor desbotada? 
Vai apanhar um pouco de sol, faz-te bem à saúde! 
 - Olha só, quem fala de saúde, "oh só mais um copinho"! 
Logo tu que só prejudicas as pessoas! 
Atacas o fígado, embriagas, fazes as pessoas fazerem figuras tristes, só fazes é mal! 
Mas o copo de vinho não se deu por vencido e respondeu:
- OK! Sim, tudo o que disseste é verdade, mas olha lá a minha mãe é uma uva... E a tua?
Era uma mulher que todos os dias estava na igreja a rezar.
Um dia, o padre resolveu ir falar com a mulher:
- Minha senhora, o que se passa? 
Todos os dias a senhora está aqui a rezar…
- Sabe senhor padre, eu queria engravidar, mas não consigo, e então venho aqui todos os dias rezar 500 Ave-Marias.
Diz o Padre: - E já experimentou um padre nosso?
Estava na hora de almoço e São Pedro ia almoçar, 
pediu então a Jesus que ficasse no lugar dele. 
Nisto, entra nas portas do Céu um velhinho, 
Jesus pergunta-lhe: - Então, vamos lá saber, quem és tu? 
E o velho: - Não sei... Eu já sou muito velhinho e não me lembro de nada. 
A única coisa que me lembro é que eu era carpinteiro 
e que o meu filho ficou muito famoso. 
Então Jesus gritou emocionado: - Pai!!!
E o velho: - Pinóquio!!!
 (que ninguém se sinta ofendido!) 
Um fabricante de pregos de nome Garcia, decidiu publicitar a sua marca. Dirigiu-se então a uma agência de publicidade e disse que queria um anúncio, algo relacionado com a religião.
 No Domingo seguinte quando foi à Missa ouviu da boca do Padre: - Este Garcia deveria ser excomungado! 
- Porquê? – Perguntou o Garcia.
- Vá lá fora ver. - Disse o Padre.
Garcia foi e viu um grande anúncio mostrando Jesus pregado na cruz e, escrito em baixo:
«Com pregos Garcia, 2000 anos de garantia!»
De imediato, Garcia foi à agência de publicidade 
pedir para mudarem o anúncio.
No Domingo seguinte, o Padre, mais zangado ainda, disse:
- Este Garcia vai ser excomungado! 
- Porquê? - Disse Garcia.
- Não sabes? Vai lá fora ver!
Desta vez Garcia, encontrou um anúncio que mostrava a cruz bem levantada e Jesus caído no chão, e em baixo dizia:
«Com pregos Garcia, nada disto acontecia!»
 E mais uma vez Garcia pediu à agência para mudar o anúncio. 
No Domingo seguinte, o Padre já fora de si gritava:
- Excomungado sejas Garcia!
Sem precisar de mais palavras, Garcia foi ver o seu novo anúncio. Este, desta vez, mostrava a cruz bem levantada e alguns pregos no chão. Em baixo dizia:
«Com pregos Garcia, Jesus não fugia!»
Um rato, olhando pelo buraco na parede, 
vê o dono da quinta e a mulher a abrir um pacote. 
Pensou logo no tipo de comida que poderia haver ali. 
Ao descobrir que era uma ratoeira ficou aterrorizado.
Correu para o pátio da quinta avisar todos: 
"Há uma ratoeira na casa, uma ratoeira na casa!"
Diz a galinha: "Desculpa lá ó Rato, eu entendo que seja um grande problema para ti, mas a mim não me prejudica nada, não me incomoda." 
O rato foi falar com o porco e disse-lhe: 
"Há uma ratoeira na casa, uma ratoeira!"
"Oh, Rato,..." -  disse o porco - "que queres que eu faça, olha reza." 
O rato dirigiu-se então à vaca. Diz a vaca: 
"O quê, uma ratoeira? Por acaso achas que estou em perigo? Acho que não!" 
 Então o rato voltou para a casa, cabisbaixo e abatido
Naquela noite ouviu-se um barulho, como o de uma ratoeira. 
A mulher correu para ver o que tinha acontecido. 
No escuro, ela não viu que a ratoeira tinha apanhado uma cobra venenosa. E a cobra picou a mulher... 
Foi logo para o hospital, mas voltou com febre. 
Todo agente sabe que para alimentar alguém com febre, nada melhor que uma canja de galinha… 
O homem então pega num cutelo e foi providenciar o ingrediente principal. 
Como a doença da mulher continuava, os amigos e vizinhos vieram visitá-la. Para alimentá-los o homem matou o porco. 
A mulher não melhorou e morreu. 
Muita gente veio para o funeral. O homem então sacrificou a vaca, para alimentar os amigos. 
Moral da história: Da próxima vez que você ouvir dizer que alguém está diante de um problema e acredite que o problema não lhe diz respeito, lembre-se que «quando há uma ratoeira na casa, todos correm risco». O problema de um é problema de todos.
PUBLICADO digitalblueradio às 09:57 | LINK DO POST
tags:
Um homem foi consultar uma vidente e sentou-se diante da bola de cristal!  
-Vejo que é pai de dois filhos - disse ela. 
- Isso é o que a senhora julga - respondeu o homem, sou pai de três filhos.
- Isso é o que o senhor pensa...
 PARA MEDITAR
« Conta-se que um turista americano foi à cidade do Cairo, no Egipto, com o objectivo de visitar um famoso sábio. 
O turista ficou surpreendido ao ver que este morava num quarto muito simples e cheio de livros. As únicas peças de mobiliário eram uma cama, uma mesa e um banco. 
- Onde estão os seus móveis? - Perguntou o turista. 
E o sábio, rapidamente, perguntou também:
- E onde estão os seus...? - Os meus?! - Surpreendeu-se o turista 
- Mas eu estou aqui apenas de passagem!!!!! 
- Eu também... - concluiu o sábio. 
A vida é somente uma passagem...
No entanto, alguns vivem como se fossem 
ficar aqui eternamente e esquecem-se de ser felizes. »
O Zé morreu, quando chega às portas do céu. Toca à campainha e atende-lhe o S.Pedro:  
SP: Que se passa? 
- S.Pedro, morri e venho para o céu... 
SP: Como te chamas? - Zé... 
S.Pedro consulta o computador e responde-lhe: 
SP: Não. Não existe o teu nome nas listas de entrada. Aqui não podes entrar...
- Não? Não pode ser… Sempre levei uma vida santa… 
SP: Não… Aqui não tens vaga… Tenta ir lá abaixo… 
E assim foi. 
Bate às portas do Inferno.
 - Lúcifer, morri e venho para o Inferno.
O Diabo volta, responde-lhe: 
D: Não, não tenho o teu nome… Aqui não entras… 
Zé: Não pode ser… Se eu morri, tenho que ir para algum lado… Eu não sou nenhuma alma penada.
D: Olha, vai lá cima falar com o Criador para ele dizer o que fazer...
E assim foi… 
Falou com Cristo e este responde-lhe: 
C: Não sei o que se passa… O teu nome não consta das listas. Não podes ir para nenhum dos lados…
Zé: Não pode ser… Eu não sou nenhuma alma penada…
C: Só há uma solução... Voltares à Terra e reencarnares...
Zé: Olha… Que se lixe... 
Sempre é melhor que ser uma alma penada…
C: OK, mas estás com azar que já só tenho um meio de transporte livre…
Zé: Não importa... Não importa...
Quando o Zé abre os olhos estava num galinheiro... 
Olha para si e repara que tinha reencarnado numa galinha... 
Vê a porta do galinheiro a abrir-se e entra o dono. 
Levanta uma galinha… Tira o ovo… 
Levanta a segunda galinha, não tem ovo, torce-lhe o pescoço. (regra: se tem ovo vive, senão morre...) 
O Zé olha para o ninho e vê que não tem ovo e pergunta à galinha do lado como fazer para ter um ovo. 
Resposta: - Tens que fazer força, muita força, mesmo muita força…
E o Zé começa a fazer força:
Hummmmmm! Hummmmmmmm! Hummmmm! Hummmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm...
De repente alguém toca no Zé e diz-lhe:
- ACORDA ZÉ! ACORDA ZÉ... 
Estas a borrar a cama toda…
Shopping Center de maridos
Era uma vez um Shopping Center de Maridos
Aqui as mulheres podiam escolher o marido, 
dentre as várias opções disponíveis de homens. 
O shopping tinha cinco andares, sendo que as qualidades dos homens cresciam à medida que se subia. 
A única regra era que, uma vez num andar, já não se podia descer - a escolha tinha que ser feita naquele andar, subir ao próximo, ou ir embora. 
Então uma dupla de amigas foi até ao shopping. 
PRIMEIRO ANDAR
Um aviso na porta dizia 
"Os homens deste andar trabalham e gostam de crianças"
Uma das amigas disse para a outra 
"Bem, é melhor do que ser desempregado ou não gostar de crianças, mas como serão os homens do próximo andar?"
Então subiram as escadas. 
SEGUNDO ANDAR
"Os homens deste andar trabalham, 
têm excelentes salários, gostam de crianças e são muito bonitos".
"Eh pá, isto está a ficar interessante?" - diz a mulher. 
- " Como serão então os homens do próximo andar? "
E subiram as escadas.
TERCEIRO ANDAR
"Os homens deste andar trabalham, 
têm excelentes salários, gostam de crianças, 
são muito bonitos e ajudam no serviço doméstico".
- "Amigas está quase perfeito! " 
dizem elas - "Muito tentador, mas como serão os homens do próximo andar?" 
E subiram as escadas…
QUARTO ANDAR
"Os homens deste andar trabalham, 
têm excelentes salários, gostam de crianças, 
são muito bonitos, ajudam no serviço doméstico 
e são óptimos amantes".
"Meu Deus...pensem amigas! 
O que será que nos aguarda no quinto andar???"
E subiram ao quinto andar. 
QUINTO ANDAR
A placa na porta do andar vazio dizia 
"Este andar serve para provar que é impossível satisfazer as mulheres. Por favor siga até à saída e tenha um bom dia".
VAIDADE FEMININA 
Uma mulher foi levada para os Cuidados Intensivos de um Hospital. Chegou lá quase morta, em pré-coma. 
E, neste estado, encontrou-se com Deus: 
- Que é que aconteceu? - perguntou ao Criador - eu morri? 
- Não, pelos meus cálculos, você morrerá daqui a 43 anos, 8 meses, 9 dias e 16 horas - respondeu o Eterno.
Ao voltar a si, sabendo quanto tempo ainda tinha de vida, resolveu, ali mesmo naquela clínica, fazer uma lipoaspiração, uma plástica de restauração dos seios, plástica no rosto, no nariz, na barriga, tirou todos os excessos, ficando linda e jovial. Teve alta uma semana depois. 
No dia seguinte, ao atravessar uma rua, veio um carro em alta velocidade, atropelou-a, morreu. 
Ao encontrar-se de novo com Deus, ela perguntou:
- Senhor Deus, eu achei que tinha mais 43 anos de vida. 
Por que é que morri? Gastei tanto dinheiro em cirurgias plásticas, para ficar linda! 
Deus, aproximando-se dela e olhando-a directamente nos olhos, respondeu: 
- OH MINHA FILHA, JURO QUE NÃO TE RECONHECI
No frigorífico, um copo de vinho provoca um copo de leite: 
- Oh branquinho! Estas mesmo branco, pá! 
Não tens vergonha dessa cor desbotada? 
Vai apanhar um pouco de sol, faz-te bem à saúde! 
 - Olha só, quem fala de saúde, "oh só mais um copinho"! 
Logo tu que só prejudicas as pessoas! 
Atacas o fígado, embriagas, fazes as pessoas fazerem figuras tristes, só fazes é mal! 
Mas o copo de vinho não se deu por vencido e respondeu:
- OK! Sim, tudo o que disseste é verdade, mas olha lá a minha mãe é uma uva... E a tua?
Era uma mulher que todos os dias estava na igreja a rezar.
Um dia, o padre resolveu ir falar com a mulher:
- Minha senhora, o que se passa? 
Todos os dias a senhora está aqui a rezar…
- Sabe senhor padre, eu queria engravidar, mas não consigo, e então venho aqui todos os dias rezar 500 Ave-Marias.
Diz o Padre: - E já experimentou um padre nosso?
Estava na hora de almoço e São Pedro ia almoçar, 
pediu então a Jesus que ficasse no lugar dele. 
Nisto, entra nas portas do Céu um velhinho, 
Jesus pergunta-lhe: - Então, vamos lá saber, quem és tu? 
E o velho: - Não sei... Eu já sou muito velhinho e não me lembro de nada. 
A única coisa que me lembro é que eu era carpinteiro 
e que o meu filho ficou muito famoso. 
Então Jesus gritou emocionado: - Pai!!!
E o velho: - Pinóquio!!!
 (que ninguém se sinta ofendido!) 
Um fabricante de pregos de nome Garcia, decidiu publicitar a sua marca. Dirigiu-se então a uma agência de publicidade e disse que queria um anúncio, algo relacionado com a religião.
 No Domingo seguinte quando foi à Missa ouviu da boca do Padre: - Este Garcia deveria ser excomungado! 
- Porquê? – Perguntou o Garcia.
- Vá lá fora ver. - Disse o Padre.
Garcia foi e viu um grande anúncio mostrando Jesus pregado na cruz e, escrito em baixo:
«Com pregos Garcia, 2000 anos de garantia!»
De imediato, Garcia foi à agência de publicidade 
pedir para mudarem o anúncio.
No Domingo seguinte, o Padre, mais zangado ainda, disse:
- Este Garcia vai ser excomungado! 
- Porquê? - Disse Garcia.
- Não sabes? Vai lá fora ver!
Desta vez Garcia, encontrou um anúncio que mostrava a cruz bem levantada e Jesus caído no chão, e em baixo dizia:
«Com pregos Garcia, nada disto acontecia!»
 E mais uma vez Garcia pediu à agência para mudar o anúncio. 
No Domingo seguinte, o Padre já fora de si gritava:
- Excomungado sejas Garcia!
Sem precisar de mais palavras, Garcia foi ver o seu novo anúncio. Este, desta vez, mostrava a cruz bem levantada e alguns pregos no chão. Em baixo dizia:
«Com pregos Garcia, Jesus não fugia!»
Um rato, olhando pelo buraco na parede, 
vê o dono da quinta e a mulher a abrir um pacote. 
Pensou logo no tipo de comida que poderia haver ali. 
Ao descobrir que era uma ratoeira ficou aterrorizado.
Correu para o pátio da quinta avisar todos: 
"Há uma ratoeira na casa, uma ratoeira na casa!"
Diz a galinha: "Desculpa lá ó Rato, eu entendo que seja um grande problema para ti, mas a mim não me prejudica nada, não me incomoda." 
O rato foi falar com o porco e disse-lhe: 
"Há uma ratoeira na casa, uma ratoeira!"
"Oh, Rato,..." -  disse o porco - "que queres que eu faça, olha reza." 
O rato dirigiu-se então à vaca. Diz a vaca: 
"O quê, uma ratoeira? Por acaso achas que estou em perigo? Acho que não!" 
 Então o rato voltou para a casa, cabisbaixo e abatido
Naquela noite ouviu-se um barulho, como o de uma ratoeira. 
A mulher correu para ver o que tinha acontecido. 
No escuro, ela não viu que a ratoeira tinha apanhado uma cobra venenosa. E a cobra picou a mulher... 
Foi logo para o hospital, mas voltou com febre. 
Todo agente sabe que para alimentar alguém com febre, nada melhor que uma canja de galinha… 
O homem então pega num cutelo e foi providenciar o ingrediente principal. 
Como a doença da mulher continuava, os amigos e vizinhos vieram visitá-la. Para alimentá-los o homem matou o porco. 
A mulher não melhorou e morreu. 
Muita gente veio para o funeral. O homem então sacrificou a vaca, para alimentar os amigos. 
Moral da história: Da próxima vez que você ouvir dizer que alguém está diante de um problema e acredite que o problema não lhe diz respeito, lembre-se que «quando há uma ratoeira na casa, todos correm risco». O problema de um é problema de todos.
PUBLICADO digitalblueradio às 09:57 | LINK DO POST
tags:
QUEM SOU EU
PESQUISAR NO BLOG
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Abril 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
COMENTÁRIOS
31994042009
Perfeito. Me sinto da mesma forma. Parece que desc...
acho que deve ser respeitada... http://www.goiasc...
vc que é de maior tem face e whatsaap vem encontra...
a discografia tem um ep com o titulo errado, onde ...
Armando Gama fomos contemporâneos no Salvador Corr...
A juventude nos leva a caminhos ruins , e procuram...
A primeira fotografia é da Praça Marquês de Pombal...
Eu gosto de ti Beto adorei cd foi muito bom ele é ...
GANHA MENSALMENTE COMO PRESIDENTE DA COMISSÃO EURO...
MAIS COMENTADOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
subscrever feeds
SAPO Blogs