O MELHOR DE TODOS OS TEMPOS
Cristiano Ronaldo dos Santos Aveiro, nasceu em Santo António do Funchal no dia 5 de Fevereiro de 1985.
Começou a jogar aos oito anos nos juvenis do “Andorinha”, em 1995 foi para o “Nacional” e o seu sucesso levou-o a ingressar no Sporting dois anos mais tarde. Quando tinha quinze anos, foi-lhe diagnosticado um problema no coração, o que poderia tê-lo forçado a abandonar o futebol. O Sporting informou a mãe de Cristiano Ronaldo do problema, no hospital foi submetido a uma operação, na qual a área do coração que lhe estava a causar o problema foi cauterizada a laser. A cirurgia foi realizada no período da manhã e Cristiano Ronaldo recebeu alta do hospital no final da tarde, retomando os treinos dias depois.
O talento precoce de Ronaldo chamou a atenção de Sir Alex Ferguson, técnico do Manchester United e, em 2003, com apenas dezoito anos, assinou um contrato com o clube inglês, logo na temporada seguinte, Ronaldo ganhou o seu primeiro título com o Manchester, a Taça de Inglaterra e chegou à final do Campeonato Europeu de Futebol de 2004 com a selecção portuguesa.
Em 2008 Cristiano Ronaldo conquistou a Liga dos Campeões com o Manchester United. Além de ter sido nomeado o Melhor Jogador do Mundo pela FIFA, tornou-se no primeiro jogador do Manchester a ganhar a Bola de Ouro em 40 anos, após George Best. Foi o primeiro jogador a ganhar o recente “Prémio FIFA Ferenc Puskás” em 2009, atribuído ao melhor golo do ano.
No ano de 2005 o pai morreu e, em 2007, com 22 anos, lançou uma biografia intitulada “Momentos”, onde fala da sua vida pessoal e dos seus amores. Cristiano já teve inúmeros relacionamentos, incluindo casos com a actriz indiana Bipasha Basu e com a americana Paris Hilton. Namorou também com a modelo e apresentadora portuguesa Merche Romero e com as espanholas Núria Bermúdez e Nereida Gallardo.
Em 2009 lançou, juntamente com o Real Madrid, a biografia “Sueños cumplidos”. Em 2010, era o desportista mundial mais popular na rede social Facebook, com mais de três milhões de fãs. Ganhou no Manchester United vários títulos invejáveis para qualquer jogador, como a Premier League de 2006-07, 2007-08 e 2008-09, a Liga dos Campeões 2007-2008, o Mundial de Clubes da FIFA de 2008, além de uma Taça da Inglaterra (2004), duas Taças da Liga Inglesa (2006 e 2009) e duas Super-taças da Inglaterra (2007 e 2008).
Em 2008, Cristiano Ronaldo tornou-se o segundo jogador a conquistar, na mesma temporada, o prémio de Melhor Jogador do Mundo da FIFA, a Bota de Ouro e a Bola de Ouro, da revista “France Football”, um feito só conseguido pelo brasileiro Ronaldo em 1997. Em 2009, o Manchester United autorizou que o jogador e o Real Madrid discutissem pormenores de um contrato, uma vez que tinha aceite a proposta de compra do clube espanhol. O jogador tornou-se, deste modo, a mais cara contratação da história do futebol mundial até ao momento. Foi apresentado aos Madrilenos numa cerimónia que reuniu mais de 80 000 espectadores, o que constitui também um recorde mundial.
Foi convocado pela primeira vez para a Selecção Portuguesa de Futebol frente ao Cazaquistão, jogo que Portugal venceu por 1 - 0 . No Euro 2004, realizado em Portugal, marcou o seu primeiro golo pela Selecção, frente à Grécia, na fase de grupos. Neste mesmo ano, representou Portugal nas Olimpíadas.
Nos Mundiais de 2006, na fase de qualificação, foi o segundo melhor marcador na zona europeia, com sete golos. Foi considerado um dos melhores jogadores jovens deste Campeonato, em que Portugal se classificou em 4º lugar, à frente de selecções como as do Brasil, Argentina, Inglaterra, Holanda, e Espanha.
Depois do Euro 2008, Ronaldo foi nomeado capitão da Selecção Portuguesa. Recentemente paralelamente a algumas polémicas á sua volta, Ronaldo foi pai.
Cristiano Ronaldo Testado ao Limite  
Documentário Completo
PUBLICADO digitalblueradio às 12:07 | LINK DO POST
tags:
Um vídeo da SIC que contém algumas das mais célebres gaffes cometidas por políticos, desde a anedota do Ministro Borrego, das contas de Guterres e, claro a "cornada" de Manuel Pinho!
A educação de "alguns" portugueses
 Apanhados
 Sic - 3 anos de Gaffes
"Mal-educado", "grosseirão" e "ordinário" foram alguns dos insultos trocados em directo, na RTPN, numa cena protagonizada pelo deputado do PS Orlando Strecht-Ribeiro e o dirigente bloquista João Teixeira Lopes.
 Apanhados
Não sou portista mas tiro o meu chapéu a este sr. Miguel Guedes, sem papas na lingua, diz as verdades, todos sabem mas poucos têm a coragem de as dizer.
Explicar o enexplicável
Explicação do Apagão da Luz( Benfica TV)
 Gafes na TV
 Maradona o super jogador, boca suja mandou imprensa chupar
Há cada GAFE no jornalismo
 Gafes que ficam p´ra história
 Peixeiradas, Escandalos e Gafes made in Portugal
Gafes Jornalisticas
E que tal um curso de inglês para José Sócrates
As melhores frases e gafes de 2007
Espero que tenham gostado
PUBLICADO digitalblueradio às 21:25 | LINK DO POST
tags:
Um vídeo da SIC que contém algumas das mais célebres gaffes cometidas por políticos, desde a anedota do Ministro Borrego, das contas de Guterres e, claro a "cornada" de Manuel Pinho!
A educação de "alguns" portugueses
 Apanhados
 Sic - 3 anos de Gaffes
"Mal-educado", "grosseirão" e "ordinário" foram alguns dos insultos trocados em directo, na RTPN, numa cena protagonizada pelo deputado do PS Orlando Strecht-Ribeiro e o dirigente bloquista João Teixeira Lopes.
 Apanhados
Não sou portista mas tiro o meu chapéu a este sr. Miguel Guedes, sem papas na lingua, diz as verdades, todos sabem mas poucos têm a coragem de as dizer.
Explicar o enexplicável
Explicação do Apagão da Luz( Benfica TV)
 Gafes na TV
 Maradona o super jogador, boca suja mandou imprensa chupar
Há cada GAFE no jornalismo
 Gafes que ficam p´ra história
 Peixeiradas, Escandalos e Gafes made in Portugal
Gafes Jornalisticas
E que tal um curso de inglês para José Sócrates
As melhores frases e gafes de 2007
Espero que tenham gostado
PUBLICADO digitalblueradio às 21:25 | LINK DO POST
tags:
Um vídeo da SIC que contém algumas das mais célebres gaffes cometidas por políticos, desde a anedota do Ministro Borrego, das contas de Guterres e, claro a "cornada" de Manuel Pinho!
A educação de "alguns" portugueses
 Apanhados
 Sic - 3 anos de Gaffes
"Mal-educado", "grosseirão" e "ordinário" foram alguns dos insultos trocados em directo, na RTPN, numa cena protagonizada pelo deputado do PS Orlando Strecht-Ribeiro e o dirigente bloquista João Teixeira Lopes.
 Apanhados
Não sou portista mas tiro o meu chapéu a este sr. Miguel Guedes, sem papas na lingua, diz as verdades, todos sabem mas poucos têm a coragem de as dizer.
Explicar o enexplicável
Explicação do Apagão da Luz( Benfica TV)
 Gafes na TV
 Maradona o super jogador, boca suja mandou imprensa chupar
Há cada GAFE no jornalismo
 Gafes que ficam p´ra história
 Peixeiradas, Escandalos e Gafes made in Portugal
Gafes Jornalisticas
E que tal um curso de inglês para José Sócrates
As melhores frases e gafes de 2007
Espero que tenham gostado
PUBLICADO digitalblueradio às 21:25 | LINK DO POST
tags:
José Cid, nome artístico de José Albano Salter Cid de Ferreira Tavares nasceu na Chamusca a 4 de Fevereiro de 1942. Terceiro filho de Francisco Albano Coutinho Ferreira Tavares (neto do barão de Cruzeiro) e de Fernanda Salter Cid Freire Gameiro, mudou-se com os pais para Mogofores, perto de Anadia, aos onze anos.
Iniciou a sua carreira musical em 1956, com a fundação de "Os Babies", agrupamento musical que se dedicava à interpretação de covers. Em 1960 criou em Coimbra o "Conjunto Orfeão", com José Niza, Proença de Carvalho e Rui Ressurreição. Em 1965 abandona Coimbra, onde frequentava a Faculdade de Direito e ingressa nesse ano no Instituto Nacional de Educação Física. Aí conhece Michel, membro do "Conjunto Mistério" e após uma audição é convidado a entrar para o grupo, que daria origem ao "Quarteto 1111".
José Cid também não chega a concluir o curso de Educação Física, porque em 1968 é chamado a cumprir o Serviço Militar. Até 1972 permaneceu como oficial miliciano da Força Aérea Portuguesa, no Centro de Formação Militar e Técnica, situado na Ota. Dava aulas de ginástica de manhã, saia à tarde para ensair na garagem e actuava com os "1111" aos fins-de-semana.

Popularizou-se como teclista e vocalista nos "1111", tendo grande êxito com a "A lenda de El-Rei D. Sebastião".

Ainda com o quarteto, concorreu ao Festival RTP da Canção de 1968, com "Balada para D. Inês"
Em 1971, José Cid lançou o seu primeiro disco a solo. Nessa época, foi também editado"Lisboa perto e longe" e "História verdadeira de Natal". No ano seguinte, lançou "Camarada".
Em 1973, o Quarteto 1111 adoptou o nome  de Green Windows.
Concorreu ao Festival RTP da Canção de 1974, a solo com a canção "Uma rosa que te dei", e com os Green Windows apresentou "No dia em que o rei fez anos"

Fundou o grupo "Cid, Scarpa, Carrapa e Nabo", com o qual gravou o tema "Mosca super-star" e "Vida", em 1977. Em 1978, lançou o álbum "10.000 anos depois entre Vénus e Marte", um marco na história do rock progressivo, no Festival OTI da Canção, de 1979, ficou em terceiro lugar com o tema "Na cabana junto à praia".
Com a canção "Um grande, grande amor" venceu o Festival RTP da Canção, em 1980.
Ainda na década de 1980 grava "Como o macaco gosta de banana" e "Portuguesa bonita"
No início dos anos 1990, fez estalar uma polémica, ao posar nú para uma revista social, com um dos seus discos de ouro. A intenção foi protestar contra a forma como as rádios desprezavam os intérpretes portugueses, em proveito de intérpretes estrangeiros.
Em 2000 publicou o livro "Tantos anos de poesia". Em 2004 deu um espectáculo no Coliseu dos Recreios, que foi gravado pela RTP. Em 2006 reapareceu perante o público, no palco do velho "Cabaret Maxime", em Lisboa com espectáculos esgotados. Lançou entretanto o disco "Baladas da minha vida", com velhas canções e dois temas novos, "O melhor tempo da minha vida" e "Café contigo"
José Cid casou-se com Emília Infante da Câmara Pedroso, com quem teve uma filha, Ana Sofia, nascida em 1964. Ana Sofia viria a colaborar com o pai em algumas letras e nos coros de várias músicas. Teve um segundo casamento, com Maria Armanda Ricardo, que durou doze anos. Assumido como monárquico e anarquista, é pretendente ao título de barão do Cruzeiro, um título concedido a Francisco Luis Ferreira Tavares, seu bisavô, pelo rei D. Luís I. Outras canções de Cid são inesqueciveis.
"A rosa que te dei","O meu piano","Um grande, grande amor" e "Morrer de Amor Por Ti" são temas que a memória não apaga. Tal como o projecto de Cid com a Banda Tribo, constituída por elementos da sua família, "A Padeirinha de Aljubarrota" e a balada "Cai Neve Em Nova York" ou ainda o dueto com o fadista Paulo Bragança "O Poeta, o pintor e o músico", outro projecto com uma "mão" de Cid vence o Festival RTP da Canção, foi em 1988 "Se eu te pudesse abraçar", canção defendida pela banda Alma Lusa, na voz de Inês Santos e com o próprio José Cid no acordeão e nos coros.  
Se quiser saber um pouco mais basta visitar a página oficial.
PUBLICADO digitalblueradio às 13:11 | LINK DO POST
José Cid, nome artístico de José Albano Salter Cid de Ferreira Tavares nasceu na Chamusca a 4 de Fevereiro de 1942. Terceiro filho de Francisco Albano Coutinho Ferreira Tavares (neto do barão de Cruzeiro) e de Fernanda Salter Cid Freire Gameiro, mudou-se com os pais para Mogofores, perto de Anadia, aos onze anos.
Iniciou a sua carreira musical em 1956, com a fundação de "Os Babies", agrupamento musical que se dedicava à interpretação de covers. Em 1960 criou em Coimbra o "Conjunto Orfeão", com José Niza, Proença de Carvalho e Rui Ressurreição. Em 1965 abandona Coimbra, onde frequentava a Faculdade de Direito e ingressa nesse ano no Instituto Nacional de Educação Física. Aí conhece Michel, membro do "Conjunto Mistério" e após uma audição é convidado a entrar para o grupo, que daria origem ao "Quarteto 1111".
José Cid também não chega a concluir o curso de Educação Física, porque em 1968 é chamado a cumprir o Serviço Militar. Até 1972 permaneceu como oficial miliciano da Força Aérea Portuguesa, no Centro de Formação Militar e Técnica, situado na Ota. Dava aulas de ginástica de manhã, saia à tarde para ensair na garagem e actuava com os "1111" aos fins-de-semana.

Popularizou-se como teclista e vocalista nos "1111", tendo grande êxito com a "A lenda de El-Rei D. Sebastião".

Ainda com o quarteto, concorreu ao Festival RTP da Canção de 1968, com "Balada para D. Inês"
Em 1971, José Cid lançou o seu primeiro disco a solo. Nessa época, foi também editado"Lisboa perto e longe" e "História verdadeira de Natal". No ano seguinte, lançou "Camarada".
Em 1973, o Quarteto 1111 adoptou o nome  de Green Windows.
Concorreu ao Festival RTP da Canção de 1974, a solo com a canção "Uma rosa que te dei", e com os Green Windows apresentou "No dia em que o rei fez anos"

Fundou o grupo "Cid, Scarpa, Carrapa e Nabo", com o qual gravou o tema "Mosca super-star" e "Vida", em 1977. Em 1978, lançou o álbum "10.000 anos depois entre Vénus e Marte", um marco na história do rock progressivo, no Festival OTI da Canção, de 1979, ficou em terceiro lugar com o tema "Na cabana junto à praia".
Com a canção "Um grande, grande amor" venceu o Festival RTP da Canção, em 1980.
Ainda na década de 1980 grava "Como o macaco gosta de banana" e "Portuguesa bonita"
No início dos anos 1990, fez estalar uma polémica, ao posar nú para uma revista social, com um dos seus discos de ouro. A intenção foi protestar contra a forma como as rádios desprezavam os intérpretes portugueses, em proveito de intérpretes estrangeiros.
Em 2000 publicou o livro "Tantos anos de poesia". Em 2004 deu um espectáculo no Coliseu dos Recreios, que foi gravado pela RTP. Em 2006 reapareceu perante o público, no palco do velho "Cabaret Maxime", em Lisboa com espectáculos esgotados. Lançou entretanto o disco "Baladas da minha vida", com velhas canções e dois temas novos, "O melhor tempo da minha vida" e "Café contigo"
José Cid casou-se com Emília Infante da Câmara Pedroso, com quem teve uma filha, Ana Sofia, nascida em 1964. Ana Sofia viria a colaborar com o pai em algumas letras e nos coros de várias músicas. Teve um segundo casamento, com Maria Armanda Ricardo, que durou doze anos. Assumido como monárquico e anarquista, é pretendente ao título de barão do Cruzeiro, um título concedido a Francisco Luis Ferreira Tavares, seu bisavô, pelo rei D. Luís I. Outras canções de Cid são inesqueciveis.
"A rosa que te dei","O meu piano","Um grande, grande amor" e "Morrer de Amor Por Ti" são temas que a memória não apaga. Tal como o projecto de Cid com a Banda Tribo, constituída por elementos da sua família, "A Padeirinha de Aljubarrota" e a balada "Cai Neve Em Nova York" ou ainda o dueto com o fadista Paulo Bragança "O Poeta, o pintor e o músico", outro projecto com uma "mão" de Cid vence o Festival RTP da Canção, foi em 1988 "Se eu te pudesse abraçar", canção defendida pela banda Alma Lusa, na voz de Inês Santos e com o próprio José Cid no acordeão e nos coros.  
Se quiser saber um pouco mais basta visitar a página oficial.
PUBLICADO digitalblueradio às 13:11 | LINK DO POST
José Cid, nome artístico de José Albano Salter Cid de Ferreira Tavares nasceu na Chamusca a 4 de Fevereiro de 1942. Terceiro filho de Francisco Albano Coutinho Ferreira Tavares (neto do barão de Cruzeiro) e de Fernanda Salter Cid Freire Gameiro, mudou-se com os pais para Mogofores, perto de Anadia, aos onze anos.
Iniciou a sua carreira musical em 1956, com a fundação de "Os Babies", agrupamento musical que se dedicava à interpretação de covers. Em 1960 criou em Coimbra o "Conjunto Orfeão", com José Niza, Proença de Carvalho e Rui Ressurreição. Em 1965 abandona Coimbra, onde frequentava a Faculdade de Direito e ingressa nesse ano no Instituto Nacional de Educação Física. Aí conhece Michel, membro do "Conjunto Mistério" e após uma audição é convidado a entrar para o grupo, que daria origem ao "Quarteto 1111".
José Cid também não chega a concluir o curso de Educação Física, porque em 1968 é chamado a cumprir o Serviço Militar. Até 1972 permaneceu como oficial miliciano da Força Aérea Portuguesa, no Centro de Formação Militar e Técnica, situado na Ota. Dava aulas de ginástica de manhã, saia à tarde para ensair na garagem e actuava com os "1111" aos fins-de-semana.

Popularizou-se como teclista e vocalista nos "1111", tendo grande êxito com a "A lenda de El-Rei D. Sebastião".

Ainda com o quarteto, concorreu ao Festival RTP da Canção de 1968, com "Balada para D. Inês"
Em 1971, José Cid lançou o seu primeiro disco a solo. Nessa época, foi também editado"Lisboa perto e longe" e "História verdadeira de Natal". No ano seguinte, lançou "Camarada".
Em 1973, o Quarteto 1111 adoptou o nome  de Green Windows.
Concorreu ao Festival RTP da Canção de 1974, a solo com a canção "Uma rosa que te dei", e com os Green Windows apresentou "No dia em que o rei fez anos"

Fundou o grupo "Cid, Scarpa, Carrapa e Nabo", com o qual gravou o tema "Mosca super-star" e "Vida", em 1977. Em 1978, lançou o álbum "10.000 anos depois entre Vénus e Marte", um marco na história do rock progressivo, no Festival OTI da Canção, de 1979, ficou em terceiro lugar com o tema "Na cabana junto à praia".
Com a canção "Um grande, grande amor" venceu o Festival RTP da Canção, em 1980.
Ainda na década de 1980 grava "Como o macaco gosta de banana" e "Portuguesa bonita"
No início dos anos 1990, fez estalar uma polémica, ao posar nú para uma revista social, com um dos seus discos de ouro. A intenção foi protestar contra a forma como as rádios desprezavam os intérpretes portugueses, em proveito de intérpretes estrangeiros.
Em 2000 publicou o livro "Tantos anos de poesia". Em 2004 deu um espectáculo no Coliseu dos Recreios, que foi gravado pela RTP. Em 2006 reapareceu perante o público, no palco do velho "Cabaret Maxime", em Lisboa com espectáculos esgotados. Lançou entretanto o disco "Baladas da minha vida", com velhas canções e dois temas novos, "O melhor tempo da minha vida" e "Café contigo"
José Cid casou-se com Emília Infante da Câmara Pedroso, com quem teve uma filha, Ana Sofia, nascida em 1964. Ana Sofia viria a colaborar com o pai em algumas letras e nos coros de várias músicas. Teve um segundo casamento, com Maria Armanda Ricardo, que durou doze anos. Assumido como monárquico e anarquista, é pretendente ao título de barão do Cruzeiro, um título concedido a Francisco Luis Ferreira Tavares, seu bisavô, pelo rei D. Luís I. Outras canções de Cid são inesqueciveis.
"A rosa que te dei","O meu piano","Um grande, grande amor" e "Morrer de Amor Por Ti" são temas que a memória não apaga. Tal como o projecto de Cid com a Banda Tribo, constituída por elementos da sua família, "A Padeirinha de Aljubarrota" e a balada "Cai Neve Em Nova York" ou ainda o dueto com o fadista Paulo Bragança "O Poeta, o pintor e o músico", outro projecto com uma "mão" de Cid vence o Festival RTP da Canção, foi em 1988 "Se eu te pudesse abraçar", canção defendida pela banda Alma Lusa, na voz de Inês Santos e com o próprio José Cid no acordeão e nos coros.  
Se quiser saber um pouco mais basta visitar a página oficial.
PUBLICADO digitalblueradio às 13:11 | LINK DO POST
tags:
"Sem Tempo Nem Era"
é ao fim da tarde devagar,
que a saudade e o silêncio se veem instalar
envoltos em sombras e penumbras entre nós!
É um desfalecer de movimentos,
uma névoa a ofuscar os sentimentos
uma opressão a toldar a nossa voz!
E ficamos quietos a olhar...
cada um vê coisas diversas a passar por nós, no coração.
Não damos pelo tempo a correr
e a noite sobre nós a descer, envolvendo-nos lentamente,
em solidão.
E se estivessemos um com o outro lado a lado,
um longo abraço já nos tinha encontrado! 
Esta canção chama-se "The Blowers Daughter" de Damien Rice retirada da banda sonora do filme "Closer" 
É pela noite fora, que estou horas a fio a sós contigo,...
Quando devagar, a tua imagem vem nas trevas da noite 
estar comigo.
Chegas envolta em ondas de ternura, 
estendendo os braços para me prender.
Na tua boca trazes só doçura,...nos olhos desejo e prazer.
Chego a sentir aquele calor, da tua pele macia junto á minha
e sabor do teu beijo ardente.
 Mas,..como um louco eu fico a sós com a minha dor!
Quando abro os braços para te abraçar,
a tua imagem foge e só o nada fica comigo
a ver-me soluçar!
Jane Birkin e Serge Gainsbourg - Je T'aime,...Moi Non Plus
Há pessoas que têm tudo para ser felizes, excepto a felicidade.
Don McLean - Vincent (Starry Starry Night)
 Claude Ciari - La Playa
 As mais belas frases de amor, são ditas no silêncio de um olhar.
 Seal - I've Been Loving You For Too Long
 A calúnia é como o carvão, quando não queima suja.
 Seal - Secret  
Capital Inicial-Primeiros Erros
Michael Buble - Always On My Mind
 Se as minhas palavras são repetidas, 
quais as palavras que nunca foram ditas?
 Grace Jones - La Vie En Rose
PUBLICADO digitalblueradio às 14:53 | LINK DO POST
tags:
"Sem Tempo Nem Era"
é ao fim da tarde devagar,
que a saudade e o silêncio se veem instalar
envoltos em sombras e penumbras entre nós!
É um desfalecer de movimentos,
uma névoa a ofuscar os sentimentos
uma opressão a toldar a nossa voz!
E ficamos quietos a olhar...
cada um vê coisas diversas a passar por nós, no coração.
Não damos pelo tempo a correr
e a noite sobre nós a descer, envolvendo-nos lentamente,
em solidão.
E se estivessemos um com o outro lado a lado,
um longo abraço já nos tinha encontrado! 
Esta canção chama-se "The Blowers Daughter" de Damien Rice retirada da banda sonora do filme "Closer" 
É pela noite fora, que estou horas a fio a sós contigo,...
Quando devagar, a tua imagem vem nas trevas da noite 
estar comigo.
Chegas envolta em ondas de ternura, 
estendendo os braços para me prender.
Na tua boca trazes só doçura,...nos olhos desejo e prazer.
Chego a sentir aquele calor, da tua pele macia junto á minha
e sabor do teu beijo ardente.
 Mas,..como um louco eu fico a sós com a minha dor!
Quando abro os braços para te abraçar,
a tua imagem foge e só o nada fica comigo
a ver-me soluçar!
Jane Birkin e Serge Gainsbourg - Je T'aime,...Moi Non Plus
Há pessoas que têm tudo para ser felizes, excepto a felicidade.
Don McLean - Vincent (Starry Starry Night)
 Claude Ciari - La Playa
 As mais belas frases de amor, são ditas no silêncio de um olhar.
 Seal - I've Been Loving You For Too Long
 A calúnia é como o carvão, quando não queima suja.
 Seal - Secret  
Capital Inicial-Primeiros Erros
Michael Buble - Always On My Mind
 Se as minhas palavras são repetidas, 
quais as palavras que nunca foram ditas?
 Grace Jones - La Vie En Rose
PUBLICADO digitalblueradio às 14:53 | LINK DO POST
tags:
"Sem Tempo Nem Era"
é ao fim da tarde devagar,
que a saudade e o silêncio se veem instalar
envoltos em sombras e penumbras entre nós!
É um desfalecer de movimentos,
uma névoa a ofuscar os sentimentos
uma opressão a toldar a nossa voz!
E ficamos quietos a olhar...
cada um vê coisas diversas a passar por nós, no coração.
Não damos pelo tempo a correr
e a noite sobre nós a descer, envolvendo-nos lentamente,
em solidão.
E se estivessemos um com o outro lado a lado,
um longo abraço já nos tinha encontrado! 
Esta canção chama-se "The Blowers Daughter" de Damien Rice retirada da banda sonora do filme "Closer" 
É pela noite fora, que estou horas a fio a sós contigo,...
Quando devagar, a tua imagem vem nas trevas da noite 
estar comigo.
Chegas envolta em ondas de ternura, 
estendendo os braços para me prender.
Na tua boca trazes só doçura,...nos olhos desejo e prazer.
Chego a sentir aquele calor, da tua pele macia junto á minha
e sabor do teu beijo ardente.
 Mas,..como um louco eu fico a sós com a minha dor!
Quando abro os braços para te abraçar,
a tua imagem foge e só o nada fica comigo
a ver-me soluçar!
Jane Birkin e Serge Gainsbourg - Je T'aime,...Moi Non Plus
Há pessoas que têm tudo para ser felizes, excepto a felicidade.
Don McLean - Vincent (Starry Starry Night)
 Claude Ciari - La Playa
 As mais belas frases de amor, são ditas no silêncio de um olhar.
 Seal - I've Been Loving You For Too Long
 A calúnia é como o carvão, quando não queima suja.
 Seal - Secret  
Capital Inicial-Primeiros Erros
Michael Buble - Always On My Mind
 Se as minhas palavras são repetidas, 
quais as palavras que nunca foram ditas?
 Grace Jones - La Vie En Rose
PUBLICADO digitalblueradio às 14:53 | LINK DO POST
tags:
QUEM SOU EU
PESQUISAR NO BLOG
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Fevereiro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
COMENTÁRIOS
31994042009
Perfeito. Me sinto da mesma forma. Parece que desc...
acho que deve ser respeitada... http://www.goiasc...
vc que é de maior tem face e whatsaap vem encontra...
a discografia tem um ep com o titulo errado, onde ...
Armando Gama fomos contemporâneos no Salvador Corr...
A juventude nos leva a caminhos ruins , e procuram...
A primeira fotografia é da Praça Marquês de Pombal...
Eu gosto de ti Beto adorei cd foi muito bom ele é ...
GANHA MENSALMENTE COMO PRESIDENTE DA COMISSÃO EURO...
MAIS COMENTADOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
subscrever feeds
SAPO Blogs