O MELHOR DE TODOS OS TEMPOS
Quando eu era criança era uma correria sempre que o circo chegava á cidade. Mais tarde, lá ia eu com os meus pais todo satisfeito ver os animais, os palhaços, as acrobracias dos trapezistas, era um mundo mágico. Hoje esta é uma arte em vias de extinção, p´lo menos em Portugal. Recordo quando dava na televisão espectáculos de circo que nos maravilhavam. Trago-vos um pequeno exemplo do que é o circo lá por fora, simplesmente extraordinário o Circo acrobático de Pequim. 

Fundado em 1950, o "Grande Circo Acrobático de Pequim". 
Foi o primeiro grupo a ser fundado na denominada “Nova China” e foi também o primeiro que saiu para o estrangeiro, representando a China. No ultimo meio século visitou mais de 80 países, ajudando ao aprofundar de relações entre o povo chinês e o resto do mundo. Actualmente, o "Grande Circo" tem mais de 100 números diferentes, entre representações aéreas, equilibrismo, animais treinados, farsas e imitações, magia, etc.
A partir de 1990, produziu e apresentou espectáculos baseados na essência da acrobacia tradicional, recolhendo ideias da dança, da ópera e do teatro chinês. Desde a sua fundação, já foi condecorado com 18 medalhas de ouro em diferentes competições internacionais, e é considerado um dos mais importantes circos chineses. Os artistas levam-nos a entrar num fascinante mundo que nos transporta no tempo. O colorido dos trajes e do cenário leva-nos para um mundo de sonho visto pelos olhos de uma criança, uma combinação fascinante entre a emoção, a beleza e a magia do circo, aliadas ao exotismo do Oriente. O movimento, a expressividade, a cor e o vestuário, a mística e a harmonia dos intérpretes definem um estilo e ritmo fantástico. Vale a pena ver.
PUBLICADO digitalblueradio às 18:38 | LINK DO POST
tags:
Quando eu era criança era uma correria sempre que o circo chegava á cidade. Mais tarde, lá ia eu com os meus pais todo satisfeito ver os animais, os palhaços, as acrobracias dos trapezistas, era um mundo mágico. Hoje esta é uma arte em vias de extinção, p´lo menos em Portugal. Recordo quando dava na televisão espectáculos de circo que nos maravilhavam. Trago-vos um pequeno exemplo do que é o circo lá por fora, simplesmente extraordinário o Circo acrobático de Pequim. 

Fundado em 1950, o "Grande Circo Acrobático de Pequim". 
Foi o primeiro grupo a ser fundado na denominada “Nova China” e foi também o primeiro que saiu para o estrangeiro, representando a China. No ultimo meio século visitou mais de 80 países, ajudando ao aprofundar de relações entre o povo chinês e o resto do mundo. Actualmente, o "Grande Circo" tem mais de 100 números diferentes, entre representações aéreas, equilibrismo, animais treinados, farsas e imitações, magia, etc.
A partir de 1990, produziu e apresentou espectáculos baseados na essência da acrobacia tradicional, recolhendo ideias da dança, da ópera e do teatro chinês. Desde a sua fundação, já foi condecorado com 18 medalhas de ouro em diferentes competições internacionais, e é considerado um dos mais importantes circos chineses. Os artistas levam-nos a entrar num fascinante mundo que nos transporta no tempo. O colorido dos trajes e do cenário leva-nos para um mundo de sonho visto pelos olhos de uma criança, uma combinação fascinante entre a emoção, a beleza e a magia do circo, aliadas ao exotismo do Oriente. O movimento, a expressividade, a cor e o vestuário, a mística e a harmonia dos intérpretes definem um estilo e ritmo fantástico. Vale a pena ver.
PUBLICADO digitalblueradio às 18:38 | LINK DO POST
tags:
Quando eu era criança era uma correria sempre que o circo chegava á cidade. Mais tarde, lá ia eu com os meus pais todo satisfeito ver os animais, os palhaços, as acrobracias dos trapezistas, era um mundo mágico. Hoje esta é uma arte em vias de extinção, p´lo menos em Portugal. Recordo quando dava na televisão espectáculos de circo que nos maravilhavam. Trago-vos um pequeno exemplo do que é o circo lá por fora, simplesmente extraordinário o Circo acrobático de Pequim. 

Fundado em 1950, o "Grande Circo Acrobático de Pequim". 
Foi o primeiro grupo a ser fundado na denominada “Nova China” e foi também o primeiro que saiu para o estrangeiro, representando a China. No ultimo meio século visitou mais de 80 países, ajudando ao aprofundar de relações entre o povo chinês e o resto do mundo. Actualmente, o "Grande Circo" tem mais de 100 números diferentes, entre representações aéreas, equilibrismo, animais treinados, farsas e imitações, magia, etc.
A partir de 1990, produziu e apresentou espectáculos baseados na essência da acrobacia tradicional, recolhendo ideias da dança, da ópera e do teatro chinês. Desde a sua fundação, já foi condecorado com 18 medalhas de ouro em diferentes competições internacionais, e é considerado um dos mais importantes circos chineses. Os artistas levam-nos a entrar num fascinante mundo que nos transporta no tempo. O colorido dos trajes e do cenário leva-nos para um mundo de sonho visto pelos olhos de uma criança, uma combinação fascinante entre a emoção, a beleza e a magia do circo, aliadas ao exotismo do Oriente. O movimento, a expressividade, a cor e o vestuário, a mística e a harmonia dos intérpretes definem um estilo e ritmo fantástico. Vale a pena ver.
PUBLICADO digitalblueradio às 18:38 | LINK DO POST
tags:
QUEM SOU EU
PESQUISAR NO BLOG
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Abril 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
COMENTÁRIOS
31994042009
Perfeito. Me sinto da mesma forma. Parece que desc...
acho que deve ser respeitada... http://www.goiasc...
vc que é de maior tem face e whatsaap vem encontra...
a discografia tem um ep com o titulo errado, onde ...
Armando Gama fomos contemporâneos no Salvador Corr...
A juventude nos leva a caminhos ruins , e procuram...
A primeira fotografia é da Praça Marquês de Pombal...
Eu gosto de ti Beto adorei cd foi muito bom ele é ...
GANHA MENSALMENTE COMO PRESIDENTE DA COMISSÃO EURO...
MAIS COMENTADOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
COMENTÁRIOS
subscrever feeds
SAPO Blogs